Terça-feira, 21 de Maio de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,10
euro R$ 5,53
libra R$ 5,53

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,10
euro R$ 5,53
libra R$ 5,53

Política Sábado, 01 de Outubro de 2016, 17:04 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Sábado, 01 de Outubro de 2016, 17h:04 - A | A

PERFIL 2016

Mais de 2 milhões vão às urnas decidir o futuro dos municípios de MT; conheça o eleitorado

RENAN MARCEL

No próximo domingo, dia 2 de outubro, mais de 2,2 milhões de cidadãos que vivem em Mato Grosso devem ir às urnas para escolher  quem serão os próximos prefeitos, vice-prefeitos e vereadores dos 141 municípios do estado. São 772 candidatos ao Executivo (vices e prefeitos) e 9.622 postulantes ao Legislativo.  

 

Mayke Toscano/Hipernoticias

votação

 

Conforme as estatísticas divulgadas pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) sobre as eleições de 2016, a maior parte do eleitorado mato-grossense se concentra na faixa etária da população adulta, entre 21 e 49 anos, que corresponde a 63% dos votantes.

 

Em relação ao quesito sexo o perfil dos eleitores do estado demonstra equilíbrio numérico, com pequena vantagem para o sexo feminino. Dos mais de 2,2 milhões de eleitores, metade (50,2%) é mulher. Homens representam 49,7%.

 

Já quando o assunto é grau de instrução, apenas 6,72% do eleitorado possui nível superior completo. A maioria se concentra no ensino fundamental. São 36,11% nesse grau de instrução. No entanto, destes somente 6,68% completaram o ensino fundamental, ou seja, outros 29,43% não terminaram. No ensino médio, o quadro se repete: 17,22% completaram os estudos e outros 19,71% não completaram.

  

Nos últimos oito anos, de 2008 a 2016, o crescimento do eleitorado atingiu 13,8%. Saltou de 1,9 milhão para 2,2 milhões. 

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros