Sábado, 15 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,38
euro R$ 5,76
libra R$ 5,76

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,38
euro R$ 5,76
libra R$ 5,76

Polícia Segunda-feira, 10 de Dezembro de 2018, 14:52 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Segunda-feira, 10 de Dezembro de 2018, 14h:52 - A | A

POLÍCIA CIVIL INVESTIGA

Jovem pula muro de escola e é atingido com barra de ferro na cabeça em Cuiabá

DA REDAÇÃO

Um jovem identificado como M.Q.C, de 18 anos, foi atingido na cabeça, na manhã desta segunda-feira (10), por uma barra de ferro enquanto uma equipe de limpeza da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos executava o trabalho de zeladoria na Escola Estadual Professora Eliane Digigov Santana, situada no bairro Bela Vista. 

 

Alan Cosme/HiperNoticias

pronto socorro de cuiaba

 

De acordo com informação de testemunhas que estavam no local no momento do incidente, constadas também no Boletim de Ocorrências (B.O) lavrado pela Polícia Militar de Mato Grosso (PM-MT), a vítima, não sendo um aluno da escola, pulou o muro - de fora para dentro - no momento em que um trator roçadeira realizava o serviço de limpeza nos fundos da instituição. 

 

Ao adentrar na unidade de ensino, uma barra de ferro que estava coberta pelo mato acabou entrando em contato com o maquinário da Prefeitura de Cuiabá e atingiu a cabeça do jovem. Diante da situação, o operador do trator, de imediato, efetuou contato com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, que se fez presente no local para o atendimento e encaminhamento da vítima. 

 

Neste momento, o jovem encontra-se internado no Hospital e Pronto Socorro Municipal de Cuiabá, onde recebe os atendimentos devidos. O secretário municipal José Roberto Stopa está na unidade de saúde do Município prestando toda a assistência necessária à vítima. 

 

Segundo reforçou a Secretaria de Serviços Urbanos, no momento da execução dos trabalhos, foi recomendado e cumprido pela escola a manutenção de todos os alunos em sala de aula. Dessa forma, conforme a Pasta, o caso trata-se de um infeliz acidente, visto que não era possível prever que uma pessoa pularia o muro da escola estadual durante a efetuação do trabalho.

Clique aqui  e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros