Sexta-feira, 12 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,45
euro R$ 5,92
libra R$ 5,92

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,45
euro R$ 5,92
libra R$ 5,92

Polícia Quarta-feira, 14 de Setembro de 2022, 16:29 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Quarta-feira, 14 de Setembro de 2022, 16h:29 - A | A

MOTIVO FÚTIL

Estudante atacada em escola é líder de sala e delatou colega a professores, diz marido

Laura Fernanda foi encaminhada ao Hospital Municipal de Cuiabá (HMC) com dois ferimentos no pescoço e está em estado grave

RAYNNA NICOLAS
Da Redação

Em entrevista nesta quarta-feira (14), o marido da estudante Laura Fernanda da Costa Rocha e Silva, de 19 anos, revelou que a jovem, atacada por uma colega de turma na noite de terça, era líder de sala. Segundo ele, ela interveio junto aos professores em uma situação envolvendo a acusada da tentativa de homicídio, Suelen Marques, e um rapaz, que também estuda na escola. A intervenção teria desencadeado uma desavença entre as duas que culminou no episódio da última noite. 

Tudo teria começado há cerca de uma semana, com uma primeira discussão entre as duas. Segundo o marido de Laura, Suelen tinha sentimentos não correspondidos pelo rapaz, que estava incomodado com a postura da menina. Por isso, Luana interveio e o menino acabou sendo transferido para o período da manhã, segundo relatou o marido de Laura ao programa Cadeia Neles, da TV Vila Real. 

Na noite de terça, Suelen teria entrado na escola já com a arma do crime. Apesar de inicialmente ter sido registrado que a suspeita utilizou uma faca, posteriormente, à polícia, testemunhas disseram que o instrumento utilizado foi uma caneta. 

LEIA MAIS: Estudante de 19 anos foi atacada por colega com canetada no pescoço

Laura Fernanda foi encaminhada ao Hospital Municipal de Cuiabá (HMC) com dois ferimentos no pescoço e está em estado grave, se recuperando na UTI, mas não corre risco de morte. 

 

Clique aqui  e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros