Terça-feira, 25 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,39
euro R$ 5,79
libra R$ 5,79

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,39
euro R$ 5,79
libra R$ 5,79

Polícia Sábado, 25 de Maio de 2024, 14:11 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Sábado, 25 de Maio de 2024, 14h:11 - A | A

GENITORA NÃO ACREDITAVA

Criança de oito anos conta para policiais que foi abusada pelo padrasto quando mãe estava hospitalizada

Vítima relatou que já tinha sido abusada outras vezes pelo homem

JOLISMAR BRUNO
DA REDAÇÃO

Uma criança de apenas 8 anos de idade, contou para policiais militares que foi abusada pelo padrasto, na madrugada deste sábado (25), em Sinop (480 km de Cuiabá). Para as autoridades, a criança contou que foi abusada quando estava sozinha com o homem na casa, em razão da sua mãe ter sido hospitalizada. A mãe relatou que tinha tomado conhecimento das acusações da filha, mas não estava acreditando. 

Consta no boletim de ocorrência, que os policiais foram acionados para atender uma ocorrência de violência doméstica, no bairro Lisboa. No local, os envolvidos na confusão, um homem de 54 anos e uma mulher de 43 anos, afirmaram que tiveram uma discussão, mas que a situação já tinha sido resolvida. Eles faziam consumo de bebidas alcoólicas. 

Os policiais perceberam que o homem e a mulher estavam apreensivos em falar o motivo da discussão. Neste momento,a criança abordou os policiais e contou que o homem era seu padrasto e motivo da briga do casal era em razão de que dias atrás, o homem teria abusado dela. 

Na ocasião em que ocorreram os abusos, a mãe da criança havia passado mal e foi levada para Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade, período que a criança ficou sozinha com o padrasto na casa. Segundo à criança, não foi a primeira vez que ela foi abusada pelo padrasto. 

A mãe contou que ficou sabendo da situação, mas "não levou a sério os relatos" da filha. Contudo, levou a criança para fazer exames. 

O Conselho Tutelar foi acionado para tomar as providências. 

 

Clique aqui  e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros