Segunda-feira, 24 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,42
euro R$ 5,81
libra R$ 5,81

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,42
euro R$ 5,81
libra R$ 5,81

Justiça Sábado, 15 de Dezembro de 2018, 17:00 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Sábado, 15 de Dezembro de 2018, 17h:00 - A | A

OPERAÇÃO SODOMA

Juiz remarca audiências de testemunhas para início de fevereiro

LEONARDO HEITOR

O juiz Jorge Luiz Tadeu Rodrigues, da Sétima Vara Criminal de Cuiabá, reagendou para o dia 6 de fevereiro as audiências de testemunhas arroladas pelo Ministério Público Estadual (MPE) e pela defesa do ex-secretário de Estado de Administração (SAD) Francisco Anis Faiad, na ação penal relativa à Operação Sodoma.

 

Alan Cosme/HiperNoticias

juiz jorge luiz tadeu/sétima vaga

 

A última audiência, realizada no dia 4 de dezembro, ouviria as testemunhas Francisco de Assis Amâncio Figueiredo Dorileo, Silvia Mara Gonçalves, Arlan Lino Edeus e o deputado estadual eleito nas últimas eleições, Ludio Frank Mendes Cabral, além de Elio Correa, foi adiada porque o último não foi intimado a tempo. As oitivas são relacionadas a Operação Sodoma 5.

 

A ação penal apura supostas fraudes em licitações, desvio de dinheiro público, pagamento de propinas por meio de contratos de compra de combustível, através das Secretarias de Estado de Transporte e Pavimentação Urbana (Setpu).

 

São réus na ação o ex-governador Silval Barbosa, os seus ex-secretários de Estado César Roberto Zílio, Pedro Elias Domingos de Mello e Francisco Faiad (SAD), José de Jesus Nunes Cordeiro (adjunto da SAD), Sílvio Cézar Corrêa Araújo (chefe de gabinete) e Valdísio Juliano Viriato (adjunto da Setpu), além dos servidores da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra) Alaor Alvelos Zeferino de Paula e Diego Pereira Marconi e dos empresários Juliano Cézar Volpato e Edésio Corrêa, ligados ao Auto Posto Marmeleiro.

 

As testemunhas de defesa Mauro Cesar Pereira e Kleber Taeus Figueiredo também não estiveram presentes na audiência. Como os advogados insistiram nas oitivas, assim como o MPE em relação a Elio Correa, a audiência do dia 4 acabou sendo remarcada para 6 de fevereiro.

 

"Desde já, designo o dia 6 de fevereiro de 2019, as 13h30, para a realização das oitivas das testemunhas de acusação Elio Correa e José Roberto Pacheco, bem como, para as oitivas das testemunhas arroladas pela defesa do acusado Francisco Anis Faiad", determinou o juiz.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros