Terça-feira, 28 de Maio de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,17
euro R$ 5,62
libra R$ 5,62

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,17
euro R$ 5,62
libra R$ 5,62

Cidades Terça-feira, 05 de Abril de 2016, 14:40 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Terça-feira, 05 de Abril de 2016, 14h:40 - A | A

ANIVERSÁRIO

Senar-MT comemora mais de 700 mil pessoas atendidas em 23 anos de atuação

REDAÇÃO

Neste dia sete de abril o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT) completa 23 anos de atuação no Estado. Nesse período, cerca de 700 mil pessoas passaram pelos cursos, treinamentos e programas ofertados gratuitamente pela instituição em parceria com 89 sindicatos rurais de Mato Grosso. "É muito gratificante estar presidindo uma instituição como esta, que tem por missão trazer mais conhecimento às pessoas, gerando progresso, renda, qualidade de vida melhor para todos nós", afirmou o presidente do Sistema Famato/Senar, Rui Prado.

 

Assessoria

Senar

 

Para o superintende do Senar-MT, Otávio Celidonio, a entidade cresceu muito e o caminho é de evolução. "Nos últimos cinco anos o número de cursos mais que dobrou, estamos levando mais informação, mais capacitação para os nossos produtores, acreditamos que isto está fazendo a diferença do produtor já hoje a longo prazo esta diferença deve ser muito maior", afirmou.

 

Em 2011, a instituição possuía 99 cursos, em 2016 o portfólio conta com mais de 250 treinamentos de Formação Profissional Rural (FPR), para atender as 15 principais cadeias produtivas do Estado.  Só no ano passado foram mobilizadas 2.513 turmas de FPR, aperfeiçoando quem já trabalha na área ou capacitando pessoas para desenvolverem o trabalho no campo. Ao todo passaram pelos treinamentos de FPR 34.941 pessoas nos 12 meses de 2015.

 

Os cursos mais demandados nos últimos anos foram na área de Saúde e segurança no trabalho (os que tratam de Normas Regulamentadoras, os NRs) e os de Mecanização agrícola.  Na área de saúde e segurança estão disponíveis cursos de NR 31.8 - Segurança no trabalho ? Aplicação de agrotóxico; NR 10 - Segurança em instalações e serviços de eletricidade; NR 12 - Segurança do trabalho ? Máquinas e implementos; NR 33 - Espaço confinado e NR 35 - Trabalho em altura.

 

Os treinamentos da área de máquinas e implementos agrícolas, setor que sofre com a falta de mão de obra qualificada, são muito procurados e o mercado valoriza os profissionais qualificados. Em 2015 os treinamentos mais demandados desta área foram de Operação de tratores agrícolas, Manutenção de tratores agrícolas, Aplicação de agrotóxico utilizando pulverizador autopropelido e Operação e regulagem de implementos agrícolas para preparo do solo. 

 

OUTROS TREINAMENTOS - O Senar-MT também realiza em parceria com sindicatos rurais e prefeituras ações de Promoção Social (PS) para atender às famílias do campo.  No ano de 2015 foram realizados 457 treinamentos deste tipo, beneficiando 6.515 pessoas com cursos das áreas de Alimentação e nutrição e Artesanato.  Os três cursos mais solicitados nesta área foram Panificação caseira, Fabricação caseira de produtos de higiene e limpeza e Planejamento e aproveitamento dos alimentos. O total de pessoas capacitadas por meio de treinamentos de FPR e atendidas nos cursos de PS, em 2015 o Senar-MT somou 41.456 pessoas beneficiadas.

 

Programas e projetos - Outra forma de atendimento realizada pelo Senar-MT se dá por meio de programas e projetos, que são formatados para oferecer capacitação específica em caráter especial, em áreas normalmente não abrangidas pelos eventos tradicionais de FPR e PS. Em 2015 foram executados oito programas com caráter de FPR (capacitação) e outros cinco programas de PS. Ao todo, foram realizadas 53 turmas de programas de FPR e 380 eventos de PS, contemplando 117.723 pessoas.

 

O Negócio Certo Rural (NCR) foi o mais solicitado. Em 2015 foram realizadas 31 turmas do programa, capacitando 648 pessoas. Em relação aos programas com caraterísticas de PS, o mais popular é o Mutirão Rural. Foram realizados 40 eventos e 58.053 atendimentos. 

 

Futuro ? Tanto o presidente do Sistema Famato/Senar, quanto o superintendente estão otimistas em relação ao futuro da agropecuária de Mato Grosso. E acreditam na participação efetiva do Senar-MT nesta nova era. 

 

"O nosso grande desafio é o crescimento. Nossa meta até 2020 é capacitar 1 milhão de pessoas para o mercado de trabalho mato-grossense. Mato Grosso é um Estado que cresce muito rápido e que precisa de mão de obra qualificada. Temos muito trabalho pela frente e vamos continuar nesta linha, aumentando cada vez o nosso portfólio, melhorando a programação dos nossos eventos e ampliando a carga horária", refletiu Rui Prado.

 

"O Senar realiza o trabalho mais nobre, o de formar pessoas e para isso nós devemos continuar evoluindo. A gente vê uma tendência clara do aumento do uso da tecnologia e mais do que nunca temos que preparar as pessoas para essa nova onda da agricultura. Vamos investir nessas novidades e também vamos continuar ampliando o nosso atendimento no Estado, preparando os produtores para fazer uma gestão mais eficiente da sua propriedade", planeja o superintende.

 

O Senar-MT faz parte de um conjunto de entidades que formam o Sistema Famato, assim como a Federação, o Imea e os 89 sindicatos rurais do Estado. Essas entidades dão suporte para o desenvolvimento sustentável do agronegócio. O Senar está no Facebook e no Instagram. Curta a Fan Page www.facebook.com/SenarMt e a conta @senar_mt.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros