Cidades Quarta-feira, 03 de Agosto de 2022, 09:54 - A | A

Quarta-feira, 03 de Agosto de 2022, 09h:54 - A | A

AGOSTO LILÁS

Seminário abre ações de campanha de combate à violência contra mulher

Serão abordados dados e informações sobre violência contra a mulher no Estado, implementação de políticas públicas, serviços e projetos sociais

DA REDAÇÃO

Assessoria

image

O Plantão de Atendimento da Polícia Civil a Vítimas de Violência Doméstica e Sexual de Cuiabá (PVDM) realiza, nesta quarta-feira (3), o Seminário Agosto Lilás – Panorama do Estado de Mato Grosso, que marca o lançamento da campanha 'Agosto Lilás', de combate à violência contra mulher. O evento será das 8h às 17h, no auditório da Associação Mato-grossense dos Municípios, em Cuiabá, e também será transmitido pelo Cemulher para os demais municípios.

A campanha Agosto Lilás foi criada em alusão à Lei Maria da Penha, sancionada em 7 de agosto de 2006, diante da necessidade de inibir os casos de violência doméstica no país. E, durante esse mês reflexivo, tem o objetivo de sensibilizar instituições, gestores, mulheres e sociedade em geral sobre o tema violência doméstica.

No seminário, serão abordadas diferentes temáticas, como dados e informações sobre violência contra a mulher em Mato Grosso, implementação de Políticas Públicas, serviços e projetos sociais e ações de destaque na Rede de Atenção Integral às Pessoas em Situação de Violência.

O Seminário, promovido em parceria com o Conselho Estadual de Defesa da Mulher (DEDM), Coordenadoria Estadual da Mulher (Cemulher), Secretaria Municipal da Mulher, Associação para Desenvolvimento Social dos Municípios e demais parceiros.

 SERVIÇO

O que: Seminário Agosto Lilás – Panorama do Estado de Mato Grosso
Quando: 3 de agosto de 2022 – 8h às 17 horas
Local: auditório da Associação Mato-grossense dos Municípios, em Cuiabá

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia


Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros