Sábado, 18 de Maio de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,11
euro R$ 5,55
libra R$ 5,55

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,11
euro R$ 5,55
libra R$ 5,55

Cidades Terça-feira, 15 de Novembro de 2016, 11:46 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Terça-feira, 15 de Novembro de 2016, 11h:46 - A | A

PEDÓFILOS

Padrasto e vizinho são presos por abusar de menina em Juscimeira

REDAÇÃO

A Polícia Judiciária Civil prendeu nesta terça-feira (15) dois homens acusados de abusar sexualmente de uma menina de 10 anos, na cidade de Juscimeira (157 km ao Sul). A prisão de Gilmar dos Santos Almeida, 31, e Ivaldir Oliveira dos Anjos, 51 anos, foi efetuada em cumprimento de mandado de prisão preventiva, decretada na segunda-feira (14), pelo juiz Alcindo Pires da Rocha, da comarca.

 

Reprodução

estupro de vulneravel - pedofilia

 

A investigação começou com denúncia da mãe da criança, que desconfiava que seu companheiro, Gilmar dos Santos Almeida, estaria praticando abusos contra sua filha. A mulher também acusou o vizinho, morador em frente sua casa, Ivaldir Oliveira dos Anjos, de também abusar da menina.

 

Segundo a Delegacia de Juscimeira, a mulher fez dois boletins de ocorrência contra os suspeitos, Gilmar e Ivaldir, elaborado no dia 28 de outubro de 2016 . "Quando ela procurou a Delegacia estava acompanhada da filha para relatar os fatos", disse o investigador Eli Carlos Bastos, chefe de operações da Delegacia.

 

O policial contou que ambos os presos abusavam da mesma criança, mas ainda não se sabe se os abusos ocorriam juntos ou separadamente. "Isso será agora apurado", disse.

 

Na denúncia, a vítima relatou que o padrasto entrava em seu quarto quando estava dormindo e tirava sua roupa. A menina também contou que ele tentou introduzir o pênis em sua genitália. Já em relação a Ivaldir disse que era abusada nos momentos que ia brincar na casa dele. Ela revelou que  o vizinho a levava para o quarto e a obrigava a fazer sexo oral, a beijava e também tocava em sua genitália.

 

O investigador informou, que ao desconfiar, a  mãe perguntou ao companheiro e ele com medo dela denunciá-lo saiu de casa. "Estava foragido da cidade. Ele voltava na casa somente para ver a filha que tem com a mulher", disse.

 

O suspeito Gilmar teve o mandado de prisão cumprido em Jaciara e Ivaldir na cidade de Juscimeira.  Eles serão levados para a Penitenciária Mata Grande, em Rondonópolis.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros