Terça-feira, 28 de Maio de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,17
euro R$ 5,62
libra R$ 5,62

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,17
euro R$ 5,62
libra R$ 5,62

Últimas Segunda-feira, 09 de Maio de 2016, 10:20 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Segunda-feira, 09 de Maio de 2016, 10h:20 - A | A

FESTIVIDADE CATÓLICA

Encerramento das festividades de Nossa Senhora da Guia reúne mais de 5 mil fiéis em Várzea Grande

REDAÇÃO

A festa de Nossa Senhora da Guia fez parte das comemorações alusivas aos 149 anos de Várzea Grande. Com a presença de mais de cinco mil fiéis, não só da população varzeagrandense como também famílias de vários municípios de Mato Grosso, participaram da procissão e Missa em ação de graças, ocorrida na manhã do dia 8 de Maio.  A prefeita Lucimar Sacre de Campos, acompanhada de todo o seu secretariado, esposo o ex-senador Jaime Campos e familiares, também participaram de toda a programação alusivas a Padroeira de Várzea Grande. O evento contou ainda com a participação do Rei e da Rainha da festa deste ano e de anos anteriores, festeiros e de 22 comunidades católicas.

 

Marcos Lopes/HiperNotícias

Capela São Benedito/Igreja do Rosário/estátua/alavanca/santa/Nossa Senhora do Rosário

 

Para a prefeita o dia oito de maio foi especial porque comemorou não só as festividades de padroeira de Várzea Grande, como também o ‘Dia das Mães’ e um ano à frente da Administração Municipal. “Assumi Várzea Grande como prefeita, primeiramente como uma missão de Deus. Com muita determinação e fé é que hoje posso pontuar várias ações e serviços que foram colocadas a disposição da população, e em um curto período administrativo. Tenho convicção de que nesse um ano conseguimos iniciar o processo de reconstrução da cidade, visando o desenvolvimento e, acima de tudo proporcionar qualidade de vida a nossa população”.

 

A história de fé de dona Maria Gonçalves da Silva, de 80 anos, mãe de 11 filhos, 22 netos e 23 bisnetos é marcada de muita devoção a Nossa Senhora. Ela disse que criou sozinha os seus filhos a beira de um fogão. Cozinheira desde os seus 11 anos de idade dona Maria disse que só conseguiu ter união em sua família devido a fé, e por isso sempre participa da procissão e da missa de Nossa Senhora da Guia. “Com muita dificuldade sempre trabalhou para que seus filhos tivessem um futuro melhor. A fé sempre foi o meu esteio nunca desanimei. Fiz promessa de nunca faltar a procissão. Nesta idade ainda tenho saúde para acompanhar o andor de Nossa Senhora e renovar as bênçãos”.

 

Católica e praticante Narcila Luzia Pereira, de 62 anos, moradora do bairro Limpo Grande, dedica seu tempo na evangelização da sua comunidade sempre visitando as famílias e levando a palavra de fé e esperança. “Há muitos anos, eu e minha família participamos das festividades de Nossa senhora da Guia. Neste dia marcado para a procissão e a Missa em Ação de Graças, venho agradecer as graças recebidas durante o ano”, disse.

 

Dona Maria disse que todos os anos a festa é marcada por solenidades religiosas diferentes, bem como de atrações culturais. Neste ano a festa contou com o levantamento do mastro, uma novidade inserida na programação, bem como a participação de cururueiros que levou alegria da cultura regional. “Essas atrações deram um brilho diferente a festa”, comemorou.     

 

A procissão de encerramento saiu da igreja centenária de Nossa Senhora da Guia, percorrendo pelas principais avenidas, por cerca de três quilômetros, onde os fiéis e romeiros entoavam hinos e orações em honra a Nossa Senhora. Ao final do percurso, na Conferência de Nossa Senhora do Carmo houve a missa solene em agradecimento as graças e milagres alcançados. A missa que teve milhares de fiéis cumpriu os ritos religiosos até a coração da imagem de Nossa Senhora da Guia.  

 

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros