Domingo, 16 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,38
euro R$ 5,76
libra R$ 5,76

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,38
euro R$ 5,76
libra R$ 5,76

Política Sábado, 15 de Dezembro de 2018, 14:46 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Sábado, 15 de Dezembro de 2018, 14h:46 - A | A

VENCEU POR UM VOTO

Vitória apertada demonstra representatividade entre candidatos, aponta presidente da AMMP

KHAYO RIBEIRO

O presidente da Associação Mato-grossense do Ministério Público (AMMP) Roberto Turin destacou que o resultado acirrado da disputa para procurador-geral de Justiça demonstra que ambos os candidatos tinham projetos representativos. A eleição aconteceu na noite da última sexta-feira (14), sagrando o promotor José Antônio Borges.

 

Alan Cosme/HiperNoticias

promotor roberto aparecido turin

 Roberto Turin

“Temos um candidato com um histórico muito forte, que esteve em segundo lugar em disputas anteriores”, aponta Turin. O presidente da AMMP reforça que a integridade do histórico de José Antônio foi o principal contributo que o favoreceu.

 

Quando questionado sobre o que representaria essa eleição, tento em vista que o candidato adversário Mauro Curvo era do grupo do procurador Paulo Prado, que esteve ligado ao comando do MPE nos últimos 14 anos, Turin respondeu apenas que: “Não vejo como uma questão de rompimento”.

 

Na disputa, José Antônio concorreu contra Mauro Curvo e ganhou por uma diferença de apenas um ponto. O procurador-geral de Justiça eleito venceu de 139 votos contra 138. Para Turin, o resultado expressa o quão representativos eram as propostas dos candidatos.

 

Por fim, o presidente sinalizou que não possui dúvidas quanto a indicação do candidato vencedor pelo governador eleito Mauro Mendes. “Acreditamos plenamente, o próprio Mauro já se pronunciou positivamente sobre”, finalizou Turin.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros