Terça-feira, 21 de Maio de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,11
euro R$ 5,55
libra R$ 5,55

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,11
euro R$ 5,55
libra R$ 5,55

Política Segunda-feira, 15 de Abril de 2024, 20:03 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Segunda-feira, 15 de Abril de 2024, 20h:03 - A | A

ARROMBARAM PORTÕES

Secretário da Saúde afirma que candidatos "atrasados" foram retirados antes de concurso começar

Gilberto Figueiredo disse que trabalhos da segurança atrasaram início do concurso em uma hora e que não há brechas para questionamentos sobre o concurso

CAMILA RIBEIRO
DA REDAÇÃO

O secretário de Estado de Saúde (SES-MT), Gilberto Figueiredo (União), afirmou que os candidatos ao concurso da pasta, promovido neste domingo (14), que invadiram locais de prova em Várzea Grande foram retirados das salas antes da aplicação das questões. Gilberto explicou que em decorrência da situação, o início do concurso atrasou cerca de uma hora para a conclusão do trabalho dos seguranças e asseverou que “não há o que se discutir” sobre a validade do certame. 

“Candidatos que não atentam para o horário de chegada, amplamente divulgada, chegaram atrasados, os portões foram fechados e eles à força arrombaram e tentaram entrar. Mas todos foram retirados do ambiente, atrasou uma hora para começar, mas aconteceu depois naturalmente”, falou Gilberto Figueiredo nesta segunda-feira (15).

O arrombamento dos portões dos locais de prova viralizou rapidamente nas redes sociais. Vídeos que registram o momento, mostram os candidatos atrasados correndo em direção às salas onde fariam as provas. Caso eles tivessem participado, haveria brecha para recursos na Justiça, no entanto, Gilberto garantiu que não há o que ser questionado. 

“Não fizeram a prova, foram retirados e não há o que se discutir em relação à prova. Demorou para começar a prova, pois precisou gastar um tempo para eles serem retirados, pois foram tirados do ambiente, descumprindo aquilo que estava definido para início da prova e fechamento dos portões”, reiterou. 

Segundo a SES-MT, cerca de 33 mil pessoas se inscreveram. Deste contingente, 6 mil faltaram. 

“Mas isso não tira o brilho do que é o maior concurso realizado em Mato Grosso”, encerrou Gilberto.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros