Polícia Domingo, 09 de Maio de 2021, 08:52 - A | A

Domingo, 09 de Maio de 2021, 08h:52 - A | A

CRIME OCORREU EM SUPERMERCADO

Polícia Civil prende suspeito de furto de R$ 1,6 mil em Várzea Grande

DA REDAÇÃO

Reprodução

image

Reprodução

A Polícia Judiciária Civil (PJC) autuou em flagrante um funcionário terceirizado de um supermercado atacadista suspeito de ter furtado R$ 1,6 mil da bolsa de uma cliente no sábado (08), em Várzea Grande. Após diligências, o suspeito foi preso em posse da quantia.

As investigações iniciaram quando a vítima de 63 anos procurou a Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Várzea Grande (Derf-VG), relatando o furto de mais de R$ 1,6 mil de dentro de sua bolsa. O crime ocorreu dentro do supermercado atacadista. Segundo a mulher, ela retirou a bolsa do carrinho para organizar as compras e deixou em cima de uma plataforma de madeira.

A bolsa foi encontrada pelo funcionário terceirizado e devolvido ao setor de achados e perdidos do supermercado. Contudo, a quantia em dinheiro havia desaparecido. Com base nas informações, os policiais da Derf-VG foram até o atacadista, onde em análise das câmeras de segurança foi possível identificar o autor do furto como sendo um funcionários terceirizado que triabalha na empresa.

Nas imagens, ele aparece pegando a bolsa, ficando com ela por algum tempo, até que o corredor ficasse vazio, momento em que retirou algo de dentro dela e escondeu no bolso da roupa que usava. O próprio funcionário, após cometer o furto, devolveu a bolsa no setor de perdidos e achados do supermercado.

Diante das evidências, os policiais da Derf-VG realizaram diligências em busca do suspeito que foi preso em flagrante em posse de R$ 1.642 furtados da bolsa da vítima. O suspeito foi conduzido à delegacia, e após ser interrogado pela delegada, Elaine Fernandes de Souza, foi autuado em flagrante pelo furto.

“A vítima agradeceu a equipe policial, afirmando que não poderia perder o dinheiro que havia acabado de sacar para efetuar o pagamento semanal dos seus funcionários, assim como outras contas do seu comércio”, disse a delegada.

Clique aqui  e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia


Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros