Nó De Cachorro Quinta-feira, 26 de Maio de 2011, 23:20 - A | A

Quinta-feira, 26 de Maio de 2011, 23h:20 - A | A

Deu no VGNoticias

Do site VGNotícias nesta quinta (26): "Enquanto diariamente mato-grossenses têm que interpelar judicialmente o Estado a fim de garantir que este custeie alguns procedimentos médicos (de remédio de alto custo à cirurgia), conselheiros aposentados, sem muitos esforços, têm a brecha em seu favor. A exemplo de Ary Leite de Campos - conselheiro aposentado do Tribunal de Contas do Estado (TCE/MT), que mesmo recebendo uma boa aposentadoria – mais de R$ 40 mil -, solicitou que o Estado faça o ressarcimento de R$ 28.840,39 referentes a despesas médicas. O pedido foi acatado pelo Tribunal de Contas" (sic). Leia na fonte aqui. Nó de Cachorro acrescenta: Ary também tornou o cargo de conselheiro hereditário, ao repassar a vaga que ocupou por décadas ao filho, Gonçalo Domingos, ex-Campos Neto. Exemplos do glorioso e zeloso Tribunal de Contas de Mato Grosso.

Clique aqui  e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia


Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros