Quinta-feira, 18 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,48
euro R$ 6,00
libra R$ 6,00

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,48
euro R$ 6,00
libra R$ 6,00

Mundo Terça-feira, 19 de Março de 2024, 18:30 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Terça-feira, 19 de Março de 2024, 18h:30 - A | A

UE pede respeito a direitos, após aprovação de lei de segurança em Hong Kong

CONTEÚDO ESTADÃO
da Redação

O principal coordenador da Política Externa e de Segurança Comum na União Europeia conclamou as autoridades da região administrativa de Hong Kong a protegerem a capacidade do povo de exercer os seus direitos e liberdades.

Em comunicado, o Alto Representante para a Política Externa e de Segurança Comum da UE pediu ainda que as autoridades de Hong Kong e da China reforcem a confiança no elevado grau de autonomia da região administrativa especial de Hong Kong em linha com o princípio "um país, dois sistemas".

O comunicado foi divulgado após a aprovação pelo conselho legislativo da região administrativa especial de Hong Kong do projeto de lei de salvaguarda da segurança nacional.

De acordo com a UE, a lei poderá exacerbar a erosão das liberdades fundamentais e do pluralismo político em Hong Kong, além de afetar significativamente o trabalho das representações do bloco europeu. A lei também gera dúvidas sobre a atratividade de Hong Kong como um ponto central para negócios internacionais, segundo o comunicado da UE.

(Com Agência Estado)

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros