Justiça Sexta-feira, 20 de Novembro de 2020, 10:00 - A | A

Sexta-feira, 20 de Novembro de 2020, 10h:00 - A | A

PORTO ALEGRE

OAB vai acompanhar investigação sobre morte de cliente no Carrefour

METRÓPOLES

A Comissão de Direitos Humanos da Ordem dos Advogados do Brasil seccional do Rio Grande do Sul (OAB-RS) informou, nesta sexta-feira (20/11), que acompanhará o caso do cliente agredido e morto por seguranças do supermercado Carrefour.

Reprodução/Vídeo da internet

HOMEM ESPANCADO ATÉ A MORTE.png

 

“A comissão acompanhará todos os desdobramentos do episódio envolvendo as agressões abusivas que resultaram na morte de João Alberto Silveira Freitas, de 40 anos, na noite dessa quinta-feira (19)“, informou a OAB, em comunicado.

A Comissão da Igualdade Racial também afirmou que vai monitorar a evolução das investigações do “lamentável episódio”. Segundo a Polícia Civil estadual (PCRS), João Alberto morreu devido a um ataque cardíaco ante a pressão das agressões.

A missão institucional da OAB é assegurar a transparência das investigações e acompanhar as apurações com a devida responsabilização dos envolvidos. “Confiamos no trabalho da Polícia Civil para elucidação total dos fatos”, prosseguiu.

Imagens gravadas por testemunhas que circulam em redes sociais mostram o momento em que a vítima, um homem negro, é agredida pelos dois seguranças. Uma funcionária do supermercado acompanhou toda a situação de perto.

Um dos detidos é policial militar. Ele foi levado a um presídio da corporação. O outro é segurança do Carrefour e está em uma unidade da Polícia Civil. Eles foram autuados por homicídio qualificado.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia


Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros