Sábado, 25 de Maio de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,17
euro R$ 5,61
libra R$ 5,61

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,17
euro R$ 5,61
libra R$ 5,61

Cidades Segunda-feira, 07 de Novembro de 2016, 12:06 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Segunda-feira, 07 de Novembro de 2016, 12h:06 - A | A

REPASSES ATRASADOS

Hospitais filantrópicos de Cuiabá paralisam atendimentos por tempo indeterminado

JESSICA BACHEGA

Cinco hospitais filantrópicos do Estado paralisaram os atendimentos nesta segunda-feira (7). A retomada dos serviços está condicionada à quitação de repassaes em atrasos, desde setembro, pelo município, governo do Estado e União.

 

Em Cuiabá as unidades do Hospital Geral, Santa Helena, Santa Casa e Hospital do Câncer estão paradas e em Rondonópolis (215km de Cuiabá) a Santa Casa de Misericórdia também está sem receber novos pacientes.

 

Divulgação

Hospital geral universitario - HGU

 Hospital Geral Universitário

Conforme informou a assessoria do Hospital Geral, apenas consultas e internações estão sendo feitas normalmente. Cirurgias eletivas e internação de novos pacientes nas Unidades de Tratamento Intensivo (UTI) estão suspensas.

 

Pacientes que estavam com procedimentos cirúrgicos marcados continuarão na fila de espera, pois as operações estão suspensas por tempo indeterminado. 

 

“O Estado deve R$ 7 milhões para os hospitais. Não há dinheiro para manutenção das unidades e atendimento aos pacientes”, informou a assessoria.

 

Segundo informações, os atendimentos só serão retomados após a quitação dos repasses em atrasos, pois da última vez em que houve paralisação o Estado efetuou o pagamento apenas a primeira parcela dos valores pendentes e depois não efetuou os demais pagamentos.

 

A fim de sanar as dúvidas quanto a greve e esclarecer a respeito da atual situação dos hospitais, os diretores das unidades realizarão uma entrevista coletiva na tarde desta segunda-feira, no auditório do Hospital do Câncer.

 

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

ANGELA 07/11/2016

MEU DEUS, SAUDE PUBLICA NAO PODE PARAR, TERIA Q SER PRIORIDADE A CIMA DE TUDO..

positivo
0
negativo
0

1 comentários

1 de 1

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros