Quarta-Feira, 25 de Março de 2020, 09h:05

Tamanho do texto A - A+

Cuiabá aguarda repasses do Ministério da Saúde para realizar ‘Drive Thru” na vacinação contra Influenza

A estratégia foi determinação do prefeito à equipe da Saúde para evitar aglomerações

Por: REDAÇÃO

Após ter pausado a Campanha Nacional de Vacinação contra Influenza por ter recebido do Ministério da Saúde apenas 9,5 mil doses (esgotadas em duas horas) a Prefeitura de Cuiabá está aguardando o novo repasse do órgão federal para realizar um “Drive Thru” de vacinação.

REPRODUÇÃO

DRIVE THRU

A ação foi delineada pela Secretaria Municipal de Saúde no fim da tarde desta terça-feira (24) após o prefeito Emanuel Pinheiro determinar a elaboração de um plano estratégico para evitar aglomeração contra o coronavírus.

“Estamos desenvolvendo uma série de medidas para evitar a disseminação do Coronavírus em Cuiabá e não poderia ser diferente na campanha contra a Influenza, especialmente na fase do nosso público mais vulnerável, que são os idosos e nossos profissionais da Saúde. Por isso, determinei a imediata confecção de um plano de ação à equipe da Secretaria de Saúde, e o formato “Drive Thru” onde bastará colocar o braço para o lado de fora do automóvel para receber a imunização foi uma medida contra a aglomeração que aprovamos e implantaremos em Cuiabá”, explicou Pinheiro. 

O Drive Thru da Vacinação Contra a Influenza está previsto para ser realizado na próxima sexta-feira (27) em pontos estratégicos das quatro regionais de Cuiabá, tão logo o Ministério da Saúde repasse as 37 mil doses restantes para imunizar os idosos e servidores da Saúde, previstas para serem entregues à capital nesta quarta-feira (25). 

“Sob determinação do prefeito Emanuel Pinheiro, que não está poupando esforços para evitar a disseminação do Coronavírus na Capital, elaboramos o plano Drive Thru como uma das saídas para evitar aglomeração das pessoas nesta primeira fase da vacinação. Para isso aguardamos apenas o repasses das 37 mil doses por parte do Ministério da Saúde. Até  o momento recebemos apenas 9,5 mil doses que se esgotou em um único dia. Como o Ministério deve entregar as demais doses nesta quarta-feira teremos condições de fazer esta grande ação e deixar a população mais segura e imunizada”, enfatizou a diretora da Atenção Básica de Cuiabá, Miriam Naschenveng.

A capital mato-grossense vem adotando outras  inúmeras medidas de enfrentamento à disseminação da doença. Durante esse período de enfrentamento, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Verdão será utilizada como estrutura de apoio de leitos para internação Hospital Pronto Socorro Municipal de Cuiabá, para pacientes contaminados. Também estão suspensos os agendamentos e atendimentos dos procedimentos médicos eletivos nas Unidades Básicas de Saúde.

Pinheiro explicou que este é o momento de adoção de medidas drásticas. “É preciso evitar que tenhamos um transporte coletivo cheio de pessoas, cinemas, academia, shoppings, bares, restaurantes... Entendo que a população fica incomodada, mas o rigor, nesse momento é fundamental para evitar a transmissão da doença. É muito importante lavar as mãos diversas vezes durante o dia. Também temos que redobrar os cuidados, como por exemplo, quando for tossir ou espirrar, fazer isso na dobra do braço, ou usar um lenço e descartá-lo imediatamente após o uso. Os esforços são necessários, mas sem que percamos a serenidade”, defendeu.

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei

Leia mais sobre este assunto








Mais Comentadas