Cidades Quarta-feira, 18 de Maio de 2011, 15:14 - A | A

Quarta-feira, 18 de Maio de 2011, 15h:14 - A | A

APREENSÃO DE DROGAS

Adolescente de 15 anos é pego com 25 kg de maconha pela Rotam

A droga, vinda do Paraguai, seria vendida em Cuiabá por traficante do Bairro Umuarama

GABRIEL SOARES/ESPECIAL PARA O HIPERNOTÍCIAS

A Rotam (Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas) deteve um adolescente com 25 kg de maconha nesta quarta-feira (18), no Posto Flávio Gomes, da PRF (Polícia Rodoviária Federal) na saída para Rondonópolis.  O entorpecente foi encontrado na bagagem do menor J.R.G de 15 anos, que vinha de Ponta Porã (MS).

O caso chegou à polícia através de uma ligação anônima, que denunciou um ônibus que viria de Ponta Porã entre 10h e meio-dia com a droga. Ao realizar a abordagem, os policiais encontraram o entorpecente na bagagem do adolescente J.R.G., que informou que um homem iria encontrá-lo na rodoviária para receber a droga. Uma equipe da Rotam, a paisana, seguiu com o menor no ônibus, enquanto as outras se deslocaram para o local e aguardaram o momento certo para dar o flagrante em Rodrigo Renan da Silva, 19.

Logo após a equipe seguiu com os dois até o bairro Umuarama, divisa com o Altos da Glória, onde a droga seria entregue a Lúcio Gomes Nunes de 31 anos. Ao perceber a chegada da polícia, o traficante abriu fuga, mas ao tentar subir num muro, caiu e fraturou o antebraço.

Os três foram detidos e encaminhados ao CISC Planalto. Na casa de Lúcio, onde a polícia suspeita que funcione uma boca de fumo, foram encontrados diversos aparelhos eletroeletrônicos, que seguirão para análise. A suspeita é que os produtos tenham origem do tráfico.

Segundo informações da Polícia Civil, Lúcio teria realizado contato com um paraguaio, por nome Miro, que teria vendido a droga por R$ 500 o quilo. O traficante então enviou o menor para buscar a maconha em Ponta Porã e trazê-la para abastecer o tráfico local. Em Cuiabá, o produto seria vendido por R$ 1 mil o quilo. 

Mayke Toscano/Hipernotícias
Rotam chegou aos traficantes através de denúncia anônima

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia


Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros