Sábado, 13 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,43
euro R$ 5,95
libra R$ 5,95

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,43
euro R$ 5,95
libra R$ 5,95

Polícia Segunda-feira, 15 de Agosto de 2022, 16:19 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Segunda-feira, 15 de Agosto de 2022, 16h:19 - A | A

DOIS ANOS FORAGIDO

Polícia prende suspeito de estuprar enteada de 16 anos

Mediante violência, acusado obrigou a vítima a praticar conjunção carnal com ele, crime comprovado por exame

DA REDAÇÃO

Um homem considerado foragido da Justiça por estupro cometido contra a enteada, que à época tinha 16 anos, teve o mandado de prisão preventiva cumprido pela Polícia Civil nesta segunda-feira (15), em ação da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher (DEDM) de Cáceres (228 km a oeste de Cuiabá).

A prisão preventiva do suspeito, de 41 anos, foi decretada pela Justiça com base em investigações de um inquérito policial instaurado em janeiro de 2020, para apurar a violência sexual contra a menor, que tinha, à época, 16 anos de idade.

Na ocasião, o investigado, mediante violência, obrigou a vítima a praticar conjunção carnal com ele, crime comprovado por exame.

Diante das evidências, foi representado pela prisão preventiva do suspeito, que foi deferida pelo Poder Judiciário. No entanto, desde 2020 ele estava foragido.

Nesta segunda-feira, o procurado se apresentou na Delegacia Especializada, ocasião em que foi dado efetivo cumprimento à ordem de prisão. Ele foi interrogado pela delegada titular da DEDM, Paula Gomes Araújo, sendo posteriormente encaminhado para o presídio, ficando à disposição da Justiça.

Clique aqui  e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros