Quinta-Feira, 26 de Março de 2020, 10h:41

Tamanho do texto A - A+

PM reforça efetivo no controle de entrada na fronteira com a Bolívia

Por: DA REDAÇÃO

A Polícia Militar já enviou 10 policiais para reforçar a atuação do Grupo Especial de Fronteira (Gefron) em toda faixa de fronteira do Brasil com a Bolívia. Na semana que vem mais 10 policiais seguem para a região com a mesma finalidade.

gefron.jpg

 

Enquanto durarem as medidas restritivas e de isolamento social contra a propagação do novo coronavírus, 20 PMs vão servir fortalecendo as atividades de fiscalização e controle da entrada de pessoas e veículos vindos do país vizinhos.

As equipes do Gefron e PM estão trabalhando em postos fixos de fiscalização e em barreiras volantes. A intensificação do policiamento atende à Portaria 125, de 19 de março deste ano, do Governo Federal.

Está proibida a entrada de cidadãos da Bolívia, Argentina, Colômbia, República Francesa, Paraguai, Peru, Suriname e Guiana. O trabalho será desenvolvido como parte da “Operação Hórus”, do Programa Vigia, do Ministério da Justiça e Segurança Pública.

A base operacional do grupamento fica no município Porto Esperidião. Outros pontos de fiscalização estão distribuídos na região do Matão (no município de Pontes e Lacerda), Vila Cardoso, Avião Caído (em Cáceres), Canil Integrado (Cáceres).

O subchefe de Estado Maior da Polícia Militar, coronel Wankley Correa Rodrigues, explica que essa é uma maneira de intensificar as ações do Gefron no cumprimento de suas atribuições constitucionais.

Nesse momento de crise, observa Rodrigues, a união de esforços é importante no sentido de fazer com que as medidas legais para prevenir a disseminação do coronavírus sejam asseguradas.

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei