Terça-Feira, 19 de Maio de 2020, 09h:48

Tamanho do texto A - A+

Exame aponta que jovem encontrada morta nos fundos de kitnet sofreu violência sexual

Por: LUIS VINICIUS

O exame perinecroscópico apontou que a jovem Anna Alessandra Siqueira Marcelino, 21 anos, encontrada morta nos fundos de uma kitnet, foi abusada sexualmente pelo assassino. A informação consta no boletim de ocorrência registrado pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) no domingo (17), data que o corpo da vítima foi localizado.

anna montagem.jpg

 

No documento, os policiais informaram que a vítima foi esganada e apresentava ferimentos na região da cabeça e joelho. Porém, os agentes não informaram qual objeto causou as lesões. Além disso, existe a hipótese de que a vítima poderia estar grávida.

Anna foi encontrada aos fundos de um kitnet, no bairro Doutor Fábio II, em Cuiabá. Ela estava sem calcinha e com os seios à mostra, fato que levantou a hipótese de que a vítima havia sofrido violência sexual.

O corpo da jovem foi encontrado pelo proprietário da kitnet. O homem foi ao local para cobrar o aluguel de um dos moradores. Ao chegar à residência, o homem bateu palmas diversas vezes, mas o morador não abriu as portas. Diante disso, ele resolveu entrar.

Ao chegar à parte do fundo, a testemunha encontrou o corpo da mulher sob um palete de madeira e pedras. Durante trabalhos iniciais, os agentes constataram que a residência não tinha sinais de arrombamento, o que indica que o possível assassino tinha acesso ao imóvel.

Além disso, a kitnet não tinha móveis, mas havia vestígios de sangue e maço de cabelo.

Até a publicação da matéria, o laudo de necropsia da vítima não havia sido concluído e nem o assassino havia sido preso. 

O caso está sendo investigado pela delegada Eliane Morais. 

 

Leia mais

 

Mulher é encontrada morta no fundo de residência em Cuiabá; polícia investiga se vítima estava grávida

Avalie esta matéria: Gostei +1 | Não gostei