Domingo, 19 de Maio de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,11
euro R$ 5,55
libra R$ 5,55

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,11
euro R$ 5,55
libra R$ 5,55

Polícia Sexta-feira, 10 de Maio de 2024, 11:55 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Sexta-feira, 10 de Maio de 2024, 11h:55 - A | A

DESAPARECIDO DESDE SEXTA

Corpo de professor Celso Odinir é encontrado em Cuiabá

Cadáver foi localizado em região de mata da Rodovia Palmiro Paes de Barros; quatro suspeitos foram detidos, dentre eles dois menores

JOLISMAR BRUNO/CAMILA RIBEIRO
Da Redação

O corpo do professor Celso Odinir Gomes, de 60 anos, foi localizado por investigadores da Polícia Civil em região de mata na Rodovia Palmiro Paes de Barros, no Parque Atalaia, em Cuiabá, nesta sexta-feira (10). Quatro pessoas suspeitas de envolvimento na morte do educador foram detidas, sendo duas menores de idade. Informações preliminares apontam que o corpo estava carbonizado, mas o aspecto de supostamente queimado é de estado de putrefação, como explicou a polícia depois.

Uma equipe da Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) está no local. A Perícia Oficial e Identificação Técnica como o Instituto Médico Legal (IML) também foram acionados. O corpo passará por exame de necropsia para identificar a causa da morte.

LEIA MAIS: "Professor de matemática impecável", diz coordenador que trabalha com educador desaparecido

O educador estava desaparecido desde a última sexta-feira (3). Ele integra o quadro de docentes do Colégio Salesiano Santo Antônio e desapareceu quando saiu de Cuiabá com destino a Santo Antônio de Leverger (34 km de Cuiabá), onde iria passar o fim de semana em seu sítio, mas não chegou ao destino.

O carro de Celso foi localizado nesta terça-feira e passou por perícia para auxiliar na identificação do paradeiro da vítima. 

Mais informações em instantes. 

Clique aqui  e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros