Sexta-Feira, 24 de Janeiro de 2020, 12h:03

Tamanho do texto A - A+

Casal é assassinado e corpos são jogados em cachoeira de MT

Por: KHAYO RIBEIRO

O casal Luiz Sérgio da Silva, 57 anos, e Rozinha Edileuza, 43 anos, foi assassinado e teve seus corpos jogados da Cachoeira Salto das Andorinhas, em Araputanga (958 km de Cuiabá). Os suspeitos de cometerem o crime, um homem e duas mulheres, foram presos pela polícia na quinta-feira (23).

Reprodução

casal jogado de cachoeira

 

Informações da Polícia Civil dão conta que o trio, que não teve a identidade confirmada, foi preso com duas caminhonetes que pertenciam ao casal assassinado. A prisão dos suspeitos foi feita na cidade de Cacoal, em Rondônia.

As investigações foram iniciadas na manhã de quinta-feira, após um corpo ter sido encontrado em uma área de difícil acesso da cachoeira. Posteriormente, a polícia identificou o corpo como sendo de Luiz Sérgio, que estava com as mãos atadas e uma mordaça na boca.

Durante as investigações, os policiais obtiveram a informação de que a esposa da vítima também estava desaparecida e que o casal possuía duas caminhonetes, sendo uma Toyota Hilux e uma Ford F-1000, que também não estavam mais na residência. Dessa forma, os agentes retomaram as buscas e localizaram o segundo corpo.

Paralelamente, a polícia recebeu a denúncia de que três pessoas estavam com caminhonetes semelhantes aos veículos roubados do casal tentando entrar no estado de Rondônia.

Dessa forma, a Polícia Civil do estado vizinho foi acionada e o trio foi detido. Quando questionado, um dos suspeitos revelou que as caminhonetes eram produtos do roubo seguido de morte na cidade de Aripuanã, praticado na noite de quarta-feira (22).

O suspeito também confessou que após matar as vítimas jogou os corpos na cachoeira. O suspeito ainda passou informações sobre um quarto envolvido no crime, que seria o responsável pela morte do casal. O caso segue sendo investigado pela Polícia Civil.

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei - 1