Domingo, 12 de Julho de 2020, 11h:46

Tamanho do texto A - A+

Nem tão novo assim

MBL LOGO


Apesar 'abafada' pelo noticiário da pandemia do coronvirus, não pode passar em branco a prisão de dois empresários ligados ao MBL (Movimentno Brasil Livre) na semana passada, sob a acusação de sonegação fiscal. Foram presos na sexta (10) Alessander Mônaco Ferreira e Carlos Augusto de Moraes Afonso (conhecido pelo pseudônimo Luciano Ayan nas redes sociais). No pedido de prisão, a Receita Federal afirma, segundo a Folha de S. Paulo,  que a família de outro empresário, líder do MBL, Renan Santosadotou estratégia de adquirir empresas quase falidas e não pagar impostos. Esse é, segundo a Receita, “o segredo do sucesso”. “Eles não declaram nem pagam os tributos, e com isso enriquecem com a apropriação indevida dos tributos pagos pelos consumidores finais”, diz, em reportagem da Folha. Pelo jeito, o novo é mais velho que os velhos.

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei







Mais Comentadas