Sexta-feira, 12 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,45
euro R$ 5,92
libra R$ 5,92

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,45
euro R$ 5,92
libra R$ 5,92

Esportes Quarta-feira, 14 de Dezembro de 2022, 10:53 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Quarta-feira, 14 de Dezembro de 2022, 10h:53 - A | A

COPA DO MUNDO

França x Marrocos se enfrentam por uma vaga na final da Copa do Mundo

Se a França for para final da Copa do Mundo e ganhar da Argentina, ela se tornaria apenas a terceira seleção na história a conseguir o feito de conquistar dois Mundiais seguidos.

METRÓPOLES

Nesta quarta-feira (14), às 16h (horário de Brasília), França e Marrocos se enfrentam para decidir o segundo finalista da Copa do Mundo de 2022 e que jogará contra a Argentina de Lionel Messi, no domingo (18), às 12h. Caso os campeões de 2018 avancem, será a segunda final consecutiva.

Para triunfar diante de Marrocos, que tem a melhor defesa da Copa do Mundo, com apenas um gol sofrido, a França aposta na estrela de Kylian Mbappé. O camisa 10 está fazendo uma ótima Copa do Mundo.

Até o momento, o atacante tem cinco jogos, cinco gols e duas assistências, mesmo tendo passado em branco diante da Inglaterra, pelas quartas de final do torneio.

Mbappé tem três prêmios de melhor em campo das cinco partidas que disputou na Copa do Mundo, um a menos que Lionel Messi.

Na seleção é outra história

Apesar de não ser mais o grande protagonista do Atlético de Madrid, Antoine Griezmann continua despontando um grande futebol na Seleção.

Na Copa do Qatar, o jogador, que agora tem uma função mais longe da meta adversária, com mais responsabilidade na armação, é o líder de assistências, com três passes para gol.

Feito histórico

Se a França for para final da Copa do Mundo e ganhar da Argentina, ela se tornaria apenas a terceira seleção na história a conseguir o feito de conquistar dois Mundiais seguidos. As duas seleções que conseguiram o feito foram a Itália, em 1934 e 1938, e o Brasil, nos anos 1958 e 1962.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros