Economia Quarta-feira, 17 de Agosto de 2011, 14:53 - A | A

Quarta-feira, 17 de Agosto de 2011, 14h:53 - A | A

COMBUSTÍVEIS

Petrobras pode fazer usina própria de etanol, diz Gabrielli

Meta da estatal é aumentar de 5,3% a 12% sua fatia na produção nacional de etanol até 2015

DA FOLHA DE SÃO PAULO

Divulgação

A Petrobras poderá construir usinas próprias de etanol e também aumentar participação nas empresas do setor às quais é associada, afirmou nesta quarta-feira o presidente da estatal, José Sergio Gabrielli.

Segundo o presidente, a meta da estatal é aumentar de 5,3% a 12% sua fatia na produção nacional de etanol até 2015. Isso representa ampliar a produção de 1,3 bilhões de litros de etanol para 5,6 bilhões em quatro anos.

Hoje, a Petrobras Biocombustível produz etanol em parceria com outras usinas. Gabrielli afirmou que é possível aumentar investimentos da Petrobras nas empresas Guarani e São Martinho para ampliar a produção.

PROBLEMA

Segundo Gabrielli, o maior problema do etanol hoje é a dimensão da área plantada de cana, que deveria ser maior. Além disso, problemas climáticos e demanda crescente puxaram a alta dos preços, tanto do etanol como da gasolina, e contribuíram para a escassez do produto nos últimos dois anos.

O presidente afirmou que estocagem do produto não é a única solução para a escassez, e que é fisicamente impossível guardar um volume de etanol suficiente para segurar um período de entressafra.

Ele esteve presente nesta manhã em audiência pública na Câmara dos Deputados para tratar do plano de negócios para o período de 2011 a 2015.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

 

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia


Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros