Economia Sexta-feira, 22 de Julho de 2011, 07:30 - A | A

Sexta-feira, 22 de Julho de 2011, 07h:30 - A | A

TRIBUTOS

Brasileiros completam hoje R$ 800 bi em impostos pagos no ano

A previsão do IBPT é de que até o final deste ano seja arrecadado R$ 1,4 trilhões em tributos

PORTAL UOL

Perto das 13h desta sexta-feira (22), os brasileiros terão pago R$ 800 bilhões em impostos federais, estaduais e municipais, segundo cálculo do "Impostômetro".

Em 2010, a mesma marca foi atingida um mês depois (22 de agosto). Em 2009, no dia 8 de outubro e, em 2008, no dia 7 de outubro.

O "Impostômetro" foi criado pelo Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT) e é mantido pela Associação Comercial de São Paulo (ACSP).

A previsão do IBPT é de que até o final deste ano seja arrecadado R$ 1,4 trilhão em tributos, cerca de R$ 200 bilhões a mais do que no ano passado (alta de 17%).

“Em todos os meses deste ano a arrecadação de impostos do governo federal bateu recordes, e os dados do semestre divulgados pela Receita Federal mostram crescimento real de 12,7%, com um aumento de R$ 77,068 bilhões sobre 2010", afirma o presidente da ACSP, Rogério Amato.

"É de se lamentar que um incremento tão expressivo da arrecadação fiscal não esteja sendo utilizado para a eliminação do deficit público ou para a realização de investimentos indispensáveis”, diz Amato.
Sobre o Impostômetro.

Inaugurado em 20 de abril de 2005, o Impostômetro foi desenvolvido pelo IBPT em parceria com a ACSP, onde está instalado (no centro de São Paulo).

Pela internet, qualquer cidadão pode acompanhar o total de impostos pagos pelos brasileiros aos governos federal, estadual e municipal. Também é possível consultar por Estados, municípios e capitais.

O sistema informa ainda o total de impostos pagos desde janeiro do ano 2000 e faz estimativas de quanto será pago até a data indicada pelo usuário.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

 

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia


Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros