Terça-feira, 21 de Maio de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,10
euro R$ 5,53
libra R$ 5,53

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,10
euro R$ 5,53
libra R$ 5,53

Economia Quinta-feira, 14 de Abril de 2016, 15:39 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Quinta-feira, 14 de Abril de 2016, 15h:39 - A | A

A Manutenção da Política Monetária pelo BCE, melhoras no emprego dos EUA e a China trouxeram otimismo aos mercados.

REDAÇÃO

Cenário Político:

O Planalto sofre mais três baixas e PSD, PTB e PRB deixam o governo. Segundo dados do Placar do Impeachment (Estadão), os deputados a favor já somam 339 votos, faltando conquistar 9 para que o processo siga e seja julgado pelo Senado. Os votos contra o impeachment somam 126 e o governo precisará conquistar 45 para derrubar o processo. Ainda existem muitas possibilidades e em se tratando de política no Brasil tudo pode acontecer, bastaria alguns deputados que disseram ser a favor impeachment, indo ao encontro dos anseios de seus eleitores, faltarem no dia da votação, então esses votos não computados a favor do processo se transforariam em votos contra o processo de impeachment, ou seja, a ausência do deputado no dia da votação só favorece aos interesses do governo. Sabemos também que existem 24 indecisos e 30 não quiseram responder à enquete.

 

Cenário Econômico:

Talvez o dia seja de realização de lucros, ou talvez seja de cautela aqui no Brasil, pois sexta iniciam o processo de votação do impeachment na Câmara, com previsão de término no domingo, tendo além dos brasileiros, o mundo assistindo pelas redes de televisão. Nesse final do período matutino, o Ibovespa registra baixa de -0,28%, mas ainda acima do recém reconquistado 53.000 pontos. As Bolsas mundiais operavam em cautela, aguardando dados importantes para que os traders tomassem decisões de alocação de recursos. Com os dados divulgados, as Bolsas europeias e americanas seguem em alta. Os dados aguardados e agora já divulgados são:

·         O Banco Central Europeu (BoE) decidiu pela manutenção das taxas de juros em 0,5% ao ano e o programa de recompra de ativos foi mantido em € 375 bi.

·         Nos EUA, a inflação mensal ficou em +0,01%, abaixo do projetado (+0,2%) e os pedidos iniciais de seguro-desemprego caíram frente ao mês anterior e ficaram também abaixo do esperado 270 mil, sendo apurado em 253 mil. Com isso podemos esperar uma valorização do dólar para o dia de hoje.

A China comemora ainda os dados referentes ao comércio exterior e animou, hoje também, os investidores da China, do eixo Ásia-Pacífico, além da comemoração, via otimismo, dos investidores globais observada desde ontem, com maior atenção aos países emergentes. Hoje as 23:00 h teremos a divulgação do PIB chinês trimestral e anualizado, e o mercado já espera o enquadramento nos níveis de crescimento planejado. Pode-se até dizer que a economia chinesa funciona como um reloginho e nesse caso, o reloginho chinês é tão preciso quanto um Tissot.

 

Principais Bolsas Mundiais e índices (12:37):

·         Dow 30: ......................................... +0,18%

·         Nasdaq: ........................................ +0,09%

·         S&P/TSX:....................................... -0,04%

·         Ibovespa........................................ -0,45%

·         DAX: ............................................. +0,70%

·         FTSE 100: ....................................... +0,05%

·         CAC 40: ......................................... +0,49%

·         Euro Stoxx 50: ............................... +1,00%

·         IBEX 35: ......................................... +0,44%

·         FTSE MIB........................................ +0,77%

·         SMI: .............................................. +1,07%

·         Nikkei 225: .................................... +3,23%

·         CSI 300: ......................................... +0,44%

·         Hang Seng...................................... +0,85%

·         KOSPI: ........................................... +1,75%

 

O ouro no mercado internacional segue em direção inversa ao otimismo nos mercados acionários e opera cotado a US$ 1.231,90, baixa de -1,31%. Na Parmetal DTVM o ouro iniciou o dia cotado a R$ 135,94 o grama para compra e para venda R$ 138,45, ficando +0,18% acima da cotação de fechamento dia anterior.

 

Indicadores – Abertura do Mercado:

·         Ouro – NY (Ozt.) ................................. US$ 1.242,90....................... -1,09%

·         Petróleo (Brent) ................................. US$ 44,02........................... -0,86%

·         Milho (Ton) ........................................ US$ 372,75......................... +2,54%

·         Ibovespa (pts.) ................................... 53.150,34............................ +2,19%

·         Dólar - US$ ......................................... R$ 3,4971............................ +0,30%

·         Euro - € .............................................. R$ 3,9438............................ -0,67%

·         Poupança (mês / Acum. 2016) ............ +0,6311% ........................... +3,3479%

·         Inflação – IPCA (mês / 12 meses) ........ +0,90%............................... 10,3563%

 

Observação: o percentual calculado é feito com relação à cotação de abertura do dia anterior.

 

 

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

 

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros