Sábado, 13 de Julho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,43
euro R$ 5,95
libra R$ 5,95

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,43
euro R$ 5,95
libra R$ 5,95

Cuiabanália Quinta-feira, 20 de Junho de 2024, 18:00 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Quinta-feira, 20 de Junho de 2024, 18h:00 - A | A

"SABORES E SABERES"

Comitê de Cultura levanta produção dos quintais de Vila Bela para registrar patrimônios materiais e imateriais

Projeto visa salvaguardar produções das comunidades tradicionais e vai até o dia 30 de junho 

DA REDAÇÃO

A ação “Saberes e Sabores dos Quintais”, do Comitê de Cultura de Mato Grosso, por meio do Coletivo Herdeiras do Quariterê, está levantando as produções dos quintais culturais de Vila Bela da Santíssima Trindade (521 km de Cuiabá) para registrar os patrimônios materiais e imateriais do município, por meio da culinária e do artesanato. O objetivo é registrar as produções da comunidades tradicionais e ocorre até o dia 30 de junho. 

Essa é a segunda ação do Comitê de Cultura em Vila Bela, decorrente da visitação aos quintais culturais, quando a equipe teve a oportunidade de dialogar diretamente com os fazedores de arte e cultura do município e convidar para a Roda de Conversa “Minha Identidade, Minha Cultura - Ouvindo as vozes dos quintais culturais”, realizada no último dia 13, juntamente com o Evento de Promoção Cultural dos Contemplados pela Lei Paulo Gustavo.

A atuação em Vila Bela atende ao edital de seleção de organizações sociais civis do Ministério da Cultura (MinC) que previu mobilização e difusão de políticas culturais em cada unidade federativa, cada qual com territórios prioritários.

A cidade, que compõe a região imediata prioritária de Pontes e Lacerda – Comodoro, é polo cultural, detém saberes afrobrasileiros como a dança do chorado e dança do congo, agrega outras expressões, como as manifestações culturais dos indígenas chiquitanos e vislumbra a potência da população negra, já que, segundo o IBGE, 74% dos vilabelenses se consideram pretos ou pardos.

“A preocupação principal da Secretaria Municipal de Cultura é dar visibilidade, dar oportunidade e, acima de tudo, a valorização e o reconhecimento às pessoas que fazem a nossa cultura. Uma cultura que dura há mais de 200 anos e que vem promovendo várias ações por todo esse tempo”, contextualiza a secretária municipal de Cultura, Czarina Farias de Brito, convidando a todos para a Festança de Vila Bela, que ocorrerá de 17 a 29 de julho, celebrando a Festa do Congo.

Para a diretora-presidente do Coletivo Herdeiras do Quariterê, Silviane Ramos Lopes, organização social civil (OSC) “filha” do Instituto Mato-Grossense de Desenvolvimento Humano (IMTDH), OSC responsável pelo Comitê de Cultura de Mato Grosso, registrou que a “nossa integração foi um grande encontro, com a possibilidade do fomento e de fortalecer as chamadas manifestações tradicionais e as manifestações culturais dos novos grupos”.

SOBRE A RODA DE CONVERSA

A Roda de Conversa “Minha Identidade, Minha Cultura - Ouvindo as vozes dos quintais culturais” ocorreu na última quinta-feira (13), no Palácio dos Capitães-Generais, aproveitando o público do Evento de Promoção Cultural dos Contemplados pela Lei Paulo Gustavo, organizado pela Secretaria Municipal de Cultura, em parceria com o Comitê de Cultura de Mato Grosso.

O evento teve a participação da secretária municipal de Cultura, Czarina Farias de Brito, o prefeito Jacob André Bringsken, a diretora-presidente do Coletivo Herdeiras do Quariterê, Silviane Ramos Lopes, o presidente da Câmara Municipal, Elias da Conceição Silva, outros vereadores e secretários municipais, representantes dos quintais culturais e demais fazedores de Cultura. A programação contou com um bate-papo com a escritora e doutoranda de História Cristina Soares e fotógrafo e documentarista José Medeiros.

Segundo Anne Berlandi, integrante do Comitê em Vila Bela, o objetivo do chamamento é que “apresentássemos o Comitê [aos fazedores de cultura], falássemos nossas intenções e também contribuíssemos com a discussão de pertencimento. Foi um sucesso! Todos ficaram até o final do evento e gostaram muito das palestras”.

PRODUÇÃO CULTURAL DOS CONTEMPLADOS DA LEI PAULO GUSTAVO

A Secretaria Municipal de Cultura de Vila Bela da Santíssima Trindade foi quem promoveu o Evento de Promoção Cultural dos Contemplados pela Lei Paulo Gustavo, importante ação para o fortalecimento da cultura do município.

Na oportunidade, foram firmados os termos de execução cultural junto aos contemplados nos editais de chamamento público números 01 e 02. Também foram entregues os certificados de reconhecimento de trajetória artístico-cultural aos contemplados no edital de premiação Nº 003/2023.
Segundo a secretaria, “a Lei Paulo Gustavo visa apoiar e incentivar projetos culturais essenciais para nossa comunidade e representa o maior investimento direto já realizado no setor cultural do Brasil”.

COMITÊ DE CULTURA

É gerido por uma organização da sociedade civil selecionada por edital do MinC, atendendo ao Programa Nacional dos Comitês de Cultura (Portaria MinC nº 64/2023). Em Mato Grosso, a responsabilidade é do Instituto Mato Grossense de Desenvolvimento Humano (IMTDH).

O Comitê de Cultura é responsável por ações de formação, mobilização pública e comunicação sobre as políticas culturais em Mato Grosso, em territórios prioritários aprovados na concorrência pública.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Álbum de fotos

Assessoria

Assessoria

Assessoria

Assessoria

Assessoria

Assessoria

Assessoria

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros