Cidades Segunda-feira, 22 de Agosto de 2011, 12:00 - A | A

Segunda-feira, 22 de Agosto de 2011, 12h:00 - A | A

VIOLÊNCIA

Fim de semana marcado por 6 mortes violentas; 3 morreram nas rodovias federais

Nas rodovias a imprudencia continua predominando a causa dos acidentes

DA REDAÇÃO

A Polícia Militar registrou três assassinatos na região metropolitana de Cuiabá no fim de semana. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) também teve o mesmo número de ocorrências em acidentes de trânsito nas estradas de Mato Grosso.

O primeiro homicídio aconteceu na Avenida Brasil, no CPA 3. No sábado por volta das 5h40, Washington Monzilar Rodrigues de 19 anos, foi baleado com quatro tiros e morreu a caminho do Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá. A PM Ainda não identificou o autor dos disparos.

No bairro Mapim, em Várzea Grande, um corpo ainda não identificado foi localizado no domingo (21). A Polícia trabalha com a hipótese de que a morte tenha ocorrido em função de espancamento após uma briga. O corpo não tinha perfurações de bala nem faca, somente sinais de pancadas na cabeça.

No município de Santo Antônio de Leverger, um corpo também foi localizado no domingo (21). O cadáver estava na estrada que liga o centro do município à praia da Vereda. A vítima foi identificada como Odeliu Martins Bulhões, 31, e estava com uma perfuração no pescoço, supostamente, segundo a PM, de uma arma calibre 38. O suspeito de ter cometido o crime é Paulo Roberto Paes de Lima, 22, que foi preso no mesmo dia.

ESTRADAS

A PRF registrou três mortes em rodovias federais que cortam Mato Grosso, de sábado até manhã desta segunda-feira (22). Segundo a polícia, 35 acidentes aconteceram e 16 pessoas ficaram feridas. A causa maior dos acidentes continua sendo imprudência dos condutores.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia


Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros