Terça-feira, 28 de Maio de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,17
euro R$ 5,62
libra R$ 5,62

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,17
euro R$ 5,62
libra R$ 5,62

Cidades Quinta-feira, 28 de Julho de 2016, 07:17 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Quinta-feira, 28 de Julho de 2016, 07h:17 - A | A

FORA DE CIRULAÇÃO

Adolescente conhecido como "homem aranha" é preso depois de assaltar mais de 15 prédios

OLHAR DIRETO

Após ter realizado pelo menos 15 assaltos a apartamentos em Cuiabá, o adolescente J.L.O.S, de 17 anos, foi apreendido em um casarão abandonado do Beco do Candeeiro, no Centro Histórico da Capital na tarde desta quarta-feira (27). Conhecido como 'Homem Aranha', ele aproveitava momentos em que as vítimas estariam dormindo para escalar os edifícios e invadir os imóveis, levando itens como notebooks e celulares. Em depoimento, o menor confessou os crimes e se reconheceu nas gravações de câmeras de segurança. 

 

Divulgação / PJC-MT

delegada jannira laranjeira

Delegada Jannira Laranjeira investiga se o menor cometeu assalto ao prédio do vereador Paulo Araújo

Ao Olhar Direto a delegada responsável pelo caso,  Janira Laranjeira, informou que ele também é investigado se J.L.O.S foi responsável pelo furto ao apartamento do vereador Paulo Araújo (PP)  na madrugada de segunda-feira (15).  Na ocasião, o ladrão escalou o primeiro andar do edifício, cortou a tela de proteção da janela da sala e entrou no quarto do filho do político, uma criança de três anos. O assalto foi percebido pela esposa de Paulo, que, durante a madrugada, se levantou e encontrou com o suspeito no corredor.

“Ainda não confirmamos que seja o mesmo do roubo à casa do vereador, porque temos imagens só de uma câmera, e não dá pra ver com clareza. Solicitei mais imagens e intimamos a esposa dele a comparecer à delegacia para fazer o reconhecimento, mas ela ainda não veio. O suspeito negou este crime e disse que na segunda-feira não roubou porque estava “noiado”. Nas outras gravações, contudo, ele se reconheceu e confessou. Constatamos que tudo batia, até as tatuagens”, explica.

À delegada o menor confessou ser usuário de drogas e cometia os crimes para se alimentar e comprar entorpecentes. Além disso, apontou o dono de uma casa de troca e venda de ouro, também no Beco do Candeeiro, como receptor dos itens roubados por ele. Em buscas no escritório do segundo suspeito, identificado como Carlos Eduardo da Silva Sobrinho, de 32 anos, a Polícia encontrou notebooks possivelmente obtidos por J.L. O homem, no entanto, nega qualquer envolvimento com a situação e diz não conhecê-lo. 

Morador de rua, o jovem relatou à polícia que não tem família e vive pelo centro da cidade há cerca de um ano. Ele ficou conhecido como “homem aranha” depois de ter sido flagrado por câmeras de segurança de diversas localidades enquanto escalava os prédios sem qualquer tipo de equipamento, para cometer os crimes. Suas ações tiveram início em 2015 e ganharam repercussão pela ousadia do criminoso. Em uma das ocasiões ele conseguiu entrar em um imóvel no 17º andar, em outros registros foi pego  fazendo refeições durante a ação criminosa.

Janira conta que ele foi encontrado depois que, em investigação, foi concluído que os assaltantes eram moradores de rua e que provavelmente habitariam a região central. “Já sabíamos que os criminosos eram moradores de rua e usuários de drogas e como os crimes eram cometidos em sua maioria pelos bairros centrais, focamos as buscas por estas localidades. A Avenida do CPA, também apontada como uma possibilidade, já tinha sido verificada, então chegamos ao Beco”, afirma. 

No último dia 14, o rapaz é suspeito de ter invadido o edificio América do Sul, no bairro Jardim das Américas, onde assaltou apartamentos no 7º andar.  O prédio fica apenas alguns metros do Grupo de Atuação e Combate ao Crime Organizado (GCCO), da Polícia Civil.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Perplexo 28/07/2016

Ora, Ora, Ora, que se cumpra a Lei: Noiado ou não, Viciado ou não, adentra em apartamento alheio , sem a permissão do dono, de madrugada ou não É CRIME! Cadeia neles, processo judicial com penas para ser cumprida. Escalar 15 prédios , isso é demais! Cadê a segurança pública? Cadê a segurança do Condomínio? Cadê a ronda policial nas ruas?

positivo
0
negativo
0

Hans Mayer 28/07/2016

Não entendi por que a polícia quer saber se ele, especificamente, entrou no apartamento do VEREADOR. Qual a diferença se vereador ou não? Esse tipo de privilégio é que desagrada a população. E se foi ele? A pena vai ser ficar detido mais um dia? Somos todos iguais perante os ladrões, os sem gravata ou com gravata.

positivo
0
negativo
0

Indignado 28/07/2016

AGORA EU PERGUNTO! O QUE FAZER COM UMA PRAGA DESSA? ESSE AI NÃO TEM SOLUÇÃO, AMANHA JÁ ESTARÁ SOLTO E VOLTARÁ AS RUAS PARA COMETER ESSES MESMOS CRIMES NOVAMENTE. ATÉ QUANDO VAMOS TER QUE SUPORTAR ISSO?

positivo
0
negativo
0

3 comentários

1 de 1

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros