Terça-feira, 21 de Maio de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,10
euro R$ 5,53
libra R$ 5,53

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,10
euro R$ 5,53
libra R$ 5,53

Cuiabanália Quarta-feira, 22 de Junho de 2016, 15:02 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Quarta-feira, 22 de Junho de 2016, 15h:02 - A | A

"Águas do Cerrado" alerta sobre queimadas e leva programação cultural para Chapada dos Guimarães

Shows com Tetê Espíndola, Oswaldo Montenegro e Ana Rafaela serão gratuitos

REDAÇÃO

No primeiro trimestre deste ano foram registrados aproximadamente 14 mil focos de incêndio em todo país, em sua maioria no Cerrado, ambiente natural onde estão localizadas as nascentes de alguns dos principais rios brasileiros que formam grandes bacias hidrográficas. Segundo dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), 2016 começou com recorde de queimadas desde 1998, quando o órgão iniciou as medições. Somente em fevereiro ocorreram 4.148 queimadas, quase 80% a mais do que o total registrado no mesmo período de 2015. Durante todo o ano passado, o Brasil registrou 236.871 focos de incêndio, volume 28,7% maior do que o total de 2014.

 

Marcos Vergueiro Secom-MT

Chapada dos Guimarães - Andorinhas

 

E para conscientizar e ajudar a população a refletir sobre a conservação da fauna e flora, o segundo maior bioma da América do Sul, que ocupa cerca de 22% do território nacional, a Casa de Guimarães,  Secretaria de Estado de Cultura (SEC), Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec), Assembleia Legislativa de Mato Grosso e parceiros, se uniram e realizam o projeto "Águas do Cerrado", que acontece durante o mês de junho.

 

"Depois da Mata Atlântica, o Cerrado é o bioma que mais sofre devido a ações do homem. Cada vez mais precisamos discutir sobre a proteção do Cerrado e seus recursos hídricos. É um bioma que a sociedade mato-grossense tem que se preocupar, pois é dele que garantimos a sobrevivência da agricultura e abastecimento de água", explica Érika Abdala, diretora da Casa de Guimarães, executora do projeto.

 

O Águas do Cerrado inicia oficialmente no dia 25, em Chapada dos Guimarães, com shows regionais e nacionais, além de exposições sobre o tema.

 

Um dos destaques da programação cultural do projeto é a participação da cantora, compositora e instrumentista, Tetê Espíndola. Foi no alto das árvores, em dueto com as araras de Chapada dos Guimarães, que essa sul-mato-grossense descobriu o seu famoso agudo. Quem não se lembra do famoso refrão da música Escrito nas Estrelas? "Meu amor, nosso amor, estava escrito nas estrelas [...]", com sons extremamente  finos, imitando barulhos de pássaros e cachoeiras.

 

Além de Tetê, o cantor e compositor carioca de grandes sucessos como Bandolins e Lua e Flor, Oswaldo Montenegro também se apresenta no palco do Águas do Cerrado. Assim como a mato-grossense Ana Rafaela, com sua voz doce cantando a música popular brasileira e o renomado fotógrafo Rai Reis, que estará realizando intervenções urbanas pela cidade de Chapada dos Guimarães, com sua exposição "Arte na Rua".

 

Todas as apresentações acontecerão no dia 25 de junho, a partir das 21h, na praça Dom Wunibaldo, em Chapada dos Guimarães. A entrada é gratuita.

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros