Domingo, 16 de Junho de 2024
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png
dolar R$ 5,38
euro R$ 5,76
libra R$ 5,76

00:00:00

image
facebook001.png instagram001.png twitter001.png youtube001.png whatsapp001.png

00:00:00

image
dolar R$ 5,38
euro R$ 5,76
libra R$ 5,76

Brasil Quarta-feira, 22 de Maio de 2024, 17:00 - A | A

facebook instagram twitter youtube whatsapp

Quarta-feira, 22 de Maio de 2024, 17h:00 - A | A

Aeroporto em Canoas: datas, preços e o que se sabe sobre voos a cidade da Grande Porto Alegre

CONTEÚDO ESTADÃO
da Redação

Com o Aeroporto Internacional Salgado Filho inundado em Porto Alegre, a Base Aérea de Canoas começará a receber voos comerciais a partir da próxima segunda-feira, 27. O aeródromo militar da região metropolitana está passando por adaptações provisórias a fim de receber passageiros de forma emergencial. Os voos ocorrerão entre a cidade gaúcha e o Estado de São Paulo.

O check-in, o embarque, o desembarque e os procedimentos de segurança em geral serão feitos no térreo do ParkShopping Canoas. A partir da sala de embarque, para 150 pessoas sentadas, os passageiros serão transportados de ônibus para a base aérea, localizada a cerca de 3 quilômetros de distância.

O trajeto é estimado em até 10 minutos. Toda a operação de voos comerciais será de responsabilidade da Fraport, concessionária do aeroporto portoalegrense. Lojas, praça de alimentação e parte dos serviços do shopping continuarão em operação neste período, assim como o estacionamento.

O Estadão faz uma simulação de preços de passagens com destino a Canoas, com saída em 1º de junho, quando todas as companhias estarão operando. Em parte das plataformas, os valores estão mais baixos para compras com maior antecedência.

Na Azul, as passagens para 1º de junho custam a partir de R$ 848,99, com saída às 13h55, e a partir de R$ 1.608,99, às 8h10. Na Gol, os bilhetes são anunciados por R$ 800,55, com decolagens às 6h15 e às 10h15. Já a Latam está com um voo às 12h15, por R$ 1.615,55. Os horários podem ter variação de acordo com a data.

Os primeiros voos serão operados pela Latam. A partir de 1º de junho, também estão previstas viagens pela Azul e a Gol. Aeronaves de companhias aéreas tiveram experiência na base aérea nas últimas semanas, com a realização de 25 voos com doações realizados até a segunda-feira, 20.

A operação de voos comerciais na base aérea foi autorizada pela diretoria colegiada da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) na sexta-feira, 17. A taxa de embarque foi firmada em R$ 53,14.

Com bloqueios e dificuldades de acesso na região metropolitana, a base ampliou as operações e tem recebido aeronaves diversas, com doações, cargas emergenciais e ajuda humanitária. "Será estratégico para a aviação da cidade de Porto Alegre e, naturalmente, da região metropolitana", afirmou o ministro de Portos e Aeroportos, Silvio Costa, em coletiva na segunda-feira, 21.

Ao todo, serão até cinco voos diários, pela manhã e à tarde, ida e volta. As opções de trajeto entre o shopping e a base aérea estão em definição, com a previsão de passarem por intervenções e instalação de novas sinalizações a partir de quinta-feira, 23, a fim de facilitar o fluxo entre os dois pontos.

Com bloqueios e dificuldades de acesso na região metropolitana, a base ampliou as operações e tem recebido aeronaves diversas, com doações, cargas emergenciais e ajuda humanitária. "Será estratégico para a aviação da cidade de Porto Alegre e, naturalmente, da região metropolitana", afirmou o ministro de Portos e Aeroportos, Silvio Costa, em coletiva na segunda-feira, 21.

Ao todo, serão até cinco voos diários, pela manhã e à tarde, ida e volta. As opções de trajeto entre o shopping e a base aérea estão em definição, com a previsão de passarem por intervenções e instalação de novas sinalizações a partir de quinta-feira, 23, a fim de facilitar o fluxo entre os dois pontos.

No canal oficial do governo federal, o ministro afirmou nesta quarta-feira, 22, que tem feito uma discussão para a "sensibilização" das companhias aéreas, a fim de evitar preços exorbitantes. Também disse que a Anac irá monitorar os valores das passagens. Além disso, orientou a população a comprar os bilhetes com antecedência, para evitar custos mais altos.

"A gente vai estruturando cada vez mais o aeroporto de Canoas, está melhorando a iluminação noturna. A gente espera, em um futuro próximo, ampliar mais voos para Canoas e a gente vai estruturando essas operações com o dia a dia", acrescentou.

Na Azul, os voos ligarão Canoas ao Aeroporto Viracopos, em Campinas, no interior de São Paulo. A orientação da companhia é chegar ao terminal provisório com três horas de antecedência, pois o check-in será encerrado 90 minutos antes da decolagem.

Já a Latam anunciou que os voos irão ligar a cidade gaúcha ao Aeroporto Internacional de Cumbica, em Guarulhos, na região metropolitana de São Paulo. As viagens serão em aeronaves para 176 passageiros. Segundo a companhia, o check-in será encerrado com uma hora de antecedência, com orientação para que se chegue 2 horas antes ao local.

Por fim, a Gol irá operar voo entre Guarulhos e Canoas. As aeronaves terão capacidade para 186 passageiros. A companhia não divulgou informações sobre a antecedência para o check-in por enquanto.

Previsão de reabertura do aeroporto de Porto Alegre seria muito prematura, diz ministro

Ainda alagado, o aeroporto da capital gaúcha está com a venda de passagens suspensas e fechado por tempo indeterminado. Uma avaliação será feita quando as águas baixarem, a fim de identificar todos os danos. As águas tomaram a pista, o estacionamento e o térreo do aeródromo, localizado na zona norte da cidade. Os voos estão cancelados desde 3 de maio.

No canal oficial do governo federal, o ministro afirmou que uma análise inicial de danos está em andamento desde domingo, 19. "A Fraport começou a fazer um diagnóstico do terminal, de esteiras de bagagens, dos elevadores, de toda a parte de estacionamento, da parte elétrica, da parte de iluminação", explicou.

Segundo ele, a expectativa é que a água na pista comece a baixar mais significativamente a partir de sexta-feira, 24, ou sábado, 25. "A gente já começa ver, em alguns lugares, a pista aparecendo", relata,

O ministro destacou que uma previsão de reabertura neste momento seria "muito prematura". "Só vai poder ter uma leitura mais clara quando tiver a água baixando definitivamente, para poder fazer um diagnóstico completo do terminal, da pista, da iluminação do aeroporto, de todos os danos que foram causados", explicou.

Malha emergencial amplia voos em aeroportos do Rio Grande e de Santa Catarina

Em um primeiro momento, a ampliação envolveu 81 novos voos regionais para aeroportos do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina. "Nessa primeira semana, funcionou bem", declarou o ministro de Portos e Aeroportos, Silvio Costa, em coletiva na segunda-feira, 20.

Uma nova expansão anunciada na terça-feira, envolve mais 18 voos regionais semanais, chegando a 99, além dos 35 previstos para Canoas.

A expansão envolve os seguintes voos semanais extras:

Canoas (RS): 35 voos semanais extras;
Caxias do Sul (RS): 39 voos semanais extras;
Florianópolis (SC): 14 voos semanais extras;
Passo Fundo (RS): 21 voos semanais extras;
Jaguaruna (SC): 7 voos semanais extras;
Pelotas (RS): 6 voos semanais extras;
Uruguaiana (RS): 3 voos semanais extras;
Santo Ângelo (RS): 6 voos semanais extras;
Santa Maria (RS): 3 voos semanais extras.

Tinha voo para Porto Alegre? Veja o que diz Anac

A agência afirmou, em nota, que as companhias aéreas não poderão cobrar taxa pela remarcação de voos a Porto Alegre para uma data com diferença de até um ano da original. "O reembolso ou crédito por cancelamento de voos com destino final alterado será total, sem cobrança de taxas", destacou.

Segundo a Anac, a prioridade deverá ser para a remarcação de passageiros com voo de volta pendente, com embarque ou desembarque originalmente da capital gaúcha. "As empresas aéreas devem se empenhar para, dentro do possível, transportar os passageiros para o aeroporto mais próximo do local de interesse deles", destacou na nota.

"A prioridade de atendimento é para os passageiros com bilhetes já emitidos. A opção de reembolso do valor da passagem deve ser oferecida ao passageiro também em dinheiro, e não apenas em crédito para utilização futura", concluiu.

(Com Agência Estado)

Clique aqui e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia

Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros