Quinta-Feira, 14 de Novembro de 2019, 12h:08

Tamanho do texto A - A+

Carvalho "rasga o verbo" contra Emanuel: "cada um no seu quadrado"

Por: FERNANDA ESCOUTO

Alan Cosme/HiperNoticias

mauro carvalho

Mauro Carvalho foi enfático em repudiar aliança do DEM com Emanuel

O secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho, rebateu as declarações do prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (MDB), que afirmou na última semana que correligionários mais próximos do governador Mauro Mendes (DEM) estariam apaixonados por sua gestão e desejando apoiar a sua possível candidatura à reeleição em 2020.

“Acho que o prefeito Emanuel Pinheiro tem que cuidar do Palácio Alencastro, porque no 6º andar do Alencastro tem candidato a prefeito e nos outros andares tem mais um. Então, antes de ele se preocupar com o Paiaguás, ele tem que me preocupar com a gestão dele com o palácio dele. Cada um no seu quadrado”, disse Carvalho em entrevista, nesta quinta-feira (14).

De acordo com o secretário, a discussão sobre a candidatura própria do DEM à Prefeitura de Cuiabá, nas eleições de 2020, é assunto encerrado.

“Isso não se discute mais. Isso foi decidido na última reunião do partido com a presença de todos os líderes da sigla. Essa definição já está concreta. O DEM tem nomes excelentes para colocar à sociedade”, esclareceu.

Mesmo ainda não sendo filiado ao Democratas, Carvalho aparece entre os nomes cogitados à disputa, entretanto quando questionado se realmente é o candidato do governador, ele ressalta que fica lisonjeado por estar inserido no contexto, porém a decisão só será tomada no ano que vem.

A possibilidade de que o DEM e o MDB se unissem no pleito de 2020 começou a ser ventilada pelo cacique democrata Júlio Campos, que ainda demonstrou amizade e simpatia pelo projeto de Pinheiro. No entanto, outros membros do partido, liderados por Mendes repudiam veementemente a ideia.

Por fim, as lideranças do DEM já definiram candidatura própria. Não ficou definido nomes para a disputa, mas à princípio há três nomes cotados para disputar a Prefeitura de Cuiabá: Fábio Garcia, Mauro Carvalho e Gilberto Figueiredo.

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei







Mais Comentadas