Polícia Sexta-feira, 11 de Junho de 2021, 10:51 - A | A

Sexta-feira, 11 de Junho de 2021, 10h:51 - A | A

VEJA IMAGENS

Vídeo flagra momento em que youtuber é executado com vários tiros

LUIS VINICIUS
DA REDAÇÃO

Imagens de câmeras de segurança flagraram o momento em que o youtuber Fredson Djonatan Samulewski, 26 anos, foi assassinado com aproximadamente 10 tiros na noite de quarta-feira (9), na cidade de Tangará da Serra (240 km de Cuiabá).

FRED

 

LEIA MAIS: Youtuber é assassinado com cerca de 10 tiros em frente à padaria

O crime ocorreu em frente à padaria da família. Na gravação, é possível ver a vítima conversando com uma mulher. Na sequência, um veículo Chevrolet Corsa se aproxima.

Logo depois, o criminoso que está no banco do carona saca uma arma e atira diversas vezes em Fredson. A vítima não resistiu e morreu ainda no local.

Já os assassinos fugiram. Logo depois do crime, um homem conhecido apenas como “Max”, foi preso pela Força Tática. Com ele, os policiais encontraram uma pistola que teria sido utilizada no crime.

LEIA MAIS: Força Tática prende homem suspeito de assassinar youtuber em MT

Já o comparsa, que não foi identificado, fugiu.

Investigação

A Polícia Civil abriu inquéirito policial para investigar a morte do youtuber. A vítima, segundo os investigadores, possuía ligação com uma organização criminosa e tinha passagem criminal por crime de roubo em 2018.

LEIA MAIS: Polícia diz que youtuber possuía ligação com organização criminosa

Os policiais informaram que a vítima era usuária de drogas e suspeitam que a execução do youtuber tem relação com uma suposta dívida de entorpecente.

"Ainda é muito cedo para apontarmos uma linha de investigação. A informação inicial é de que ele tinha envolvimento com uma organização criminosa e teria um desacerto devido a uma suposta dívida com drogas", disse uma fonte ao HiperNotícias.

Veja o vídeo 

Clique aqui  e faça parte no nosso grupo para receber as últimas do HiperNoticias.

Clique aqui e faça parte do nosso grupo no Telegram.

Siga-nos no TWITTER e acompanhe as notícias em primeira mão.

Comente esta notícia


Algo errado nesta matéria ?

Use este espaço apenas para a comunicação de erros