Sexta-Feira, 21 de Fevereiro de 2020, 08h:40

Tamanho do texto A - A+

Ex-diretor da Semob presta depoimento e em seguida é liberado

Por: LUIS VINICIUS

O ex-diretor da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob), Michel Diniz foi liberado após prestar depoimento, na tarde de quinta-feira (20), na Central de Flagrantes de Cuiabá. A oitiva foi presidida pelo delegado Marcelo Jardim que em seguida liberou o agente.

Michel Diniz

 

O servidor foi conduzido à delegacia no fim da manhã de quinta-feira (20), após ter supostamente ter agredido a equipe de televisão da TV Cidade Verde, no pátio da Semob. Diniz teria impedido o cinegrafista de fazer imagens de uma caminhonete da pasta que estava com a documentação irregular.

O veículo foi o motivo de um desentendimento entre os “amarelinhos” e policiais durante uma blitz, no bairro Imperial, na tarde de quarta-feira (19).

Os agentes teriam parado a viatura da Polícia Civil na blitz e ordenado que o carro fosse removido para o pátio da Semob. No entanto, os policiais teriam feito a checagem e constatado que o carro da prefeitura também estava irregular.

O fato gerou um desconforto entre as forças, mas logo foi resolvido pelo então diretor da Semob, Michel Diniz.

Diante da confusão, a equipe de televisão teria ido, no dia seguinte, à secretaria para ver se a caminhonete havia sido recolhida. Durante os trabalhos, os jornalistas teriam sido impedidos e agredidos por Diniz. Após o fato, os profissionais da comunicação chamaram a Polícia Militar que encaminhou as partes à delegacia.

Já no período da tarde, Diniz foi ouvido pelo delegado e negou as agressões. Após a oitiva, ele foi liberado, mas deverá continuar respondendo.

O caso será investigado pela Polícia Civil.

Exoneração

Devido o fato, o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) exonerou Diniz do Cargo. Além disso, o chefe do Executivo municipal afirmou que abrirá um Procedimento Administrativo Disciplinar (PAD) para investigar a conduta do agente.

“Quero comunicar de pronto que vou exonerar hoje o diretor de trânsito envolvido nesse lamentável episódio e determinei ao secretário da Semob Antenor Figueiredo que abra um PAD para que ele responda dentro do rigor da lei. Não vou aceitar nenhuma atitude de qualquer servidor que venha em desacordo a minha pregação de uma gestão humanizada”, disse.

O prefeito afirmou que a postura de Michel é algo isolado e que não condiz com sua administração.

“Quero deixar claro que é uma postura isolada, não condiz com a minha gestão humanizada, não condiz com a gestão que tem trabalhado diuturnamente para incentivar e valorizar os servidores públicos municipais com um único intuito que eles atendem com respeito a população”, destacou.

“Mais do que qualquer outro servidor, eu fico indignado com esse ocorrido, peço desculpas publicamente como prefeito, em nome da Semob, peço desculpas a TV Cidade Verde e toda equipe agredida”, ressaltou.

 

Leia mais

Prefeito exonera servidor acusado de agredir equipe de televisão

Equipe de TV é agredida por "amarelinhos" após denúncia de veículos irregulares; veja vídeos

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei