Sexta-Feira, 22 de Novembro de 2019, 15h:26

Tamanho do texto A - A+

Delegados repudiam fala de Mendes

Alan Cosme/HiperNoticias

delegada  Maria Alice Amorim

 Delegada Maria Alice, presidente do Sindepo

O SINDEPO/MT (Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de Mato Grosso) emitiu uma nota de repúdio às declarações do governador Mauro Mendes, que criticou a aposentadoria do delegado Rogers Jarbas aos 45 anos de idade, durante evento com prefeitos, na última segunda, em Cuiabá. Na ocasião, Mendes defendeu a inclusão dos Estados e Municípios na Reforma da Previdência e deu como exemplo a aposentadoria do ex-secretário, com subsídio de R$ 35 mil mensais.

Para o Sindepo, a atividade de delegado é de alto risco, por isso a categoria possui contagem de tempo diferenciada. "Além dos riscos inerentes a sua atividade, fato é que em sua lida e diante de um verdadeiro confronto com a criminalidade e violência, além da falta de reconhecimento da sociedade, percebe-se que o policial passa por um estresse ocupacional muito grande, que o desgasta física e psicologicamente de tal modo que não se compara a aquele experimentado em outras profissões", diz trecho da nota emitida nesta quinta.

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei



1 Comentários

walter liz - 22/11/2019

um tempo menor de contribuição, blza, acho justo, agora com um salario de 35 mil, o cidadão é que tem que construir sua aposentadoria, dinheiro publico no maximo o teto do INSS, mais de 90% dos aposentados recebem menos que o teto do INSS, porque diferenciar rendimento ? ganhando bem acima da media de qualquer trabalhador, ele que tem que fazer previdencia privada, guardar dinheiro etc, menos dinheiro publico

INíCIO
ANTERIOR
PRÓXIMA
ÚLTIMA