HiperNotícias - Você bem informado

Quarta-feira, 21 de Setembro de 2011, 10h:50

Ilhas de calor prejudicam qualidade de vida em Cuiabá

Ex-secretário de Meio Ambiente da Capital avisa que somente plantio de mais árvores pode melhorar clima

ALIANA CAMARGO

Mayke Toscano/Hipernotícias

Para ambientalista Sérgio Guimararães Cuiabá virou cidade do asfasto e do concreto 

No Dia da Árvore, ambientalista diz que é insustentável a ilha de calor que se formou em Cuiabá e a única forma de reverter esse quadro é mudar o jeito de se "apropriar" da cidade.

Mestre em Educação e Meio Ambiente, Arquimedes Pereira Lima, acredita que a mudança virá com a proteção de mais áreas verdes espalhadas pela cidade. “O plantio de mudas é um paliativo, já que Cuiabá cresceu muito e o sistema de arborização foi tomado pelo concreto. O legado será se apropriar de muito mais parques para daqui 10 ou 20 anos termos um clima melhor”, avalia Arquimedes.

Em Cuiabá existem centenas de terrenos baldios, que segundo o ambientalista, estão sem árvores, causando impacto visual negativo e muitas vezes há um desleixo com a saúde, já que estão cheios de lixos. “Esses espaços vazios deveriam ser revertidos para que se criassem mais parques”, indica Arquimedes que já esteve no comando da Secretaria de Meio Ambiente e Assuntos fundiários da Prefeitura de Cuiabá.

Arquimedes acredita que o caminho é a educação ambiental individual e incentivando as crianças, para que na cidade se espalhem as mudas de várias espécies. “A árvore é um bem da cidade, ela produz não apenas sombra, mas oxigênio para todo mundo”, conclui.

PERDA

Para o ambientalista do Instituto Centro de Vida (ICV), Sérgio Guimarães, Cuiabá perdeu muito o verde que antes era predominante.

“Antes tinham mais quintais, com árvore frutífera. Cuiabá virou a cidade do concreto e do asfalto. As áreas se perderam, tem poucos parques, principalmente para cidade quente que é. Mais asfalto, mais construções, resulta em uma cidade muito quente”, avalia Guimarães.

A superintendente de Educação Ambiental, Lívia Mondin, da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) explicou que com a crescente ocupação do espaço físico pelo homem nas cidades contemporâneas, onde as construções e a tecnologia estão presentes, existe uma preocupação com relação ao meio ambiente.

“A criação de áreas verdes e espaços vegetados proporcionam vários benefícios ao meio urbano, tendo ainda um papel muito importante no estabelecimento da relação entre o homem e o meio natural, garantindo uma melhor qualidade de vida para a população”, diz Lívia.

NOVIDADE

Um blog criado pela professora de artes Maria Thereza de Azevedo, da Universidade Federal de Mato Grosso, incentiva o plantio de 200 mil árvores em Cuiabá.

O blog foi criado depois que Maria Thereza, recém chegada de São Paulo, observou que a cidade não tinha um sistema condizente de arborização com o clima quente.

“Gosto de andar pelas cidades que moro, então vi que aqui era muito difícil porque é quente, mas muito mais porque não tem muitas árvores. A partir disso surgiu a ideia, em meados de 2009, de criar o blog para incentivar as pessoas a plantarem árvores em suas casas”, explicou Maria Thereza.

A professora diz que não pretendia o retorno imediato, “A ideia não é mensurar, mas incentivar”. Há ruas, segundo Maria Thereza, que não tem sequer uma árvore.

Desde que surgiu, o blog já contabilizou 1.048 árvores plantadas, mas restam ainda 198 952 para completar a meta.

Divulgação

No Dia da Árvore, comemorado nesta quarta-feira (21), Sema vai doar várias espécies de mudas

MUDAS

A Sema inicia nesta quarta-feira (21) a programação em comemoração ao Dia da Árvore com o slogan “Floresta em pé dá fruto – 2011”.

Como ato simbólico a Sema vai plantar 456 mudas em três lugares, um desses locais privilegiados será o Hospital do Câncer.

Um dos objetivos é doar várias mudas em parques da cidade, entre as espécies de árvores estão o Angico, Aroeira, Bordão de velho, Canafistula, Caroba do cerrado, Ipês amarelo, branco, rosa e roxo e pequi.

Os parques que estarão com a programação até o sábado (24) são  Mãe Bonifácia, Massairo Okamura e Zé Bolo Flor.