Segunda-Feira, 26 de Agosto de 2019, 16h:21

Tamanho do texto A - A+

Engenheiros da prefeitura investigarão local onde mulher foi atropelada

Por: KHAYO RIBEIRO

A Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) afirmou nesta segunda-feira (26) que uma equipe de engenheiros investigará o local onde Raquel Santos Heinze de Almeida foi atropelada na noite de sábado (24), na Avenida José Monteiro de Figueiredo (Lava Pés), próximo ao shopping Goiabeiras, em Cuiabá.

Reprodução

Raquel Santos

 

Por meio de nota, a secretaria afirmou que não há faixa de pedestres onde a vítima foi atropelada e arremessada. “O trecho da via não conta com faixa de pedestres desde 2016, quando foram executadas readequações de trânsito no entorno do Shopping Goiabeiras. O asfalto foi pintado de preto e não há, no local, sinalização que aponte para o uso da faixa”, disse o documento.

Conforme dados da secretaria, em 2019 não há registro de atropelamentos em faixas de pedestres na capital. No boletim da Semob, entre janeiro e abril deste ano, mais de 90 mil autuações foram registradas, sendo 63.193 mil sobre transitar em velocidade superior à permitida e 27.395 mil referente a avanços de sinal vermelho.

O comunicado da secretaria, no entanto, não aponta quando as investigações terão início. Contudo, sinaliza que a ida dos engenheiros ao local deve apresentar uma avaliação prévia que norteará quais medidas serão tomadas.

Em vídeos que circulam pela internet, é possível ver o exato momento em que uma moto bate contra a vítima e a arremessa metros à frente do local da travessia. Além da mulher, o motociclista também perde o controle do veículo e cai com a batida.

Na filmagem, aparece uma marca no chão onde a vítima atravessa. A mancha mostra o local que era ocupado pela faixa antes de ser pintada.

Registrado às 19h de sábado, o vídeo foi feito por uma passageira de outro veículo que passava pelo local. Na gravação, a vítima inicia uma travessia pela rua quando é atropelada e lançada na esquina seguinte.

ESTADO DE SAÚDE

Ao HNT/HiperNotícias, amigos da vítima apontaram que a mulher se recupera do atropelamento no Pronto Socorro de Cuiabá e que não corre risco de morte. O nome do motociclista não foi revelado e nem seu estado de saúde.

VEJA O VÍDEO:

Avalie esta matéria: Gostei +1 | Não gostei

Leia mais sobre este assunto