Segunda-Feira, 18 de Novembro de 2019, 07h:45

Tamanho do texto A - A+

Faça isso diariamente e veja sua vida mudar

Por: LORENA LACERDA

Kamila Martins

Lorena Lacerda

Se você é uma daquelas pessoas que se sente frustrada com sua vida, que não vê a hora de chegar o final de semana para sentir um pouco de ânimo, que trabalha todos os dias torcendo para o dia passar rápido, mas que – ao chegar em casa – continua com a sensação de que falta algo em sua vida, então este artigo é pra você. Ou talvez você não se sinta assim, mas conhece alguém que se sinta... Então este artigo também é para você, já que você terá uma excelente oportunidade de fazer a diferença na vida desta pessoa ao compartilhar com ela os simples passos que aqui compartilharei.

Em meus mais de 25 anos de carreira, atuando com coaching e desenvolvimento de líderes, não me faltaram oportunidades de conhecer pessoas cujos contextos de vida seriam considerados como “dos sonhos” por muitos de nós, mas que, elas mesmas, não se sentiam assim, muito pelo contrário: reclamavam de suas vidas e só conseguiam focar naquilo que lhes faltava.

O que acontece conosco que nos impele a olhar os problemas dando-lhes uma dimensão e relevância muito maior do que têm?  O que fazer para construir uma vida em que a sensação diária é de plenitude, alegria e paz interior, independente do contexto em que vivemos? Como transformar nossas vidas a partir da mudança interior, de forma a lidarmos com as adversidades que se apresentarem com inteligência e sabedoria?

Após muito estudo, observação e prática, quero compartilhar com vocês algumas práticas diárias que acredito que respondem as perguntas acima e lhe ajudarão a mudar sua vida definitivamente. São três passos simples, que requerem disciplina e foco por não mais que 10 minutos diários. Considerando as maravilhas que você poderá experimentar a partir da implementação destes passos, acredito que vale a pena investir tão pouco tempo por dia nisso, não é?  

Ao acordar, a maioria de nós tem o hábito de já pegar o celular, olhar mensagens e mídias sociais, ir ao banheiro, tomar o café da manhã, enfim, fazer como diz a canção “todo dia ela faz tudo sempre igual”.  De forma automática, sem refletir, já começamos nosso dia fazendo exatamente o mesmo do dia anterior. Engraçado que esperamos que nosso dia seja diferente do anterior, mas a gente já começa tudo igual...

O que quero lhe propor, então, é já começar o seu dia diferente! Sim, os passos que poderão mudar a sua vida devem ser implementados logo que você acordar, antes mesmo de se levantar da cama. Então, todos os dias antes de pegar no celular ao se levantar, implemente o que apresento abaixo:

Passo 1: Defina como você deseja idealmente lidar com o seu dia. Como quer reagir às situações que surgirem? Que pensamentos e emoções você quer sentir e que comportamentos quer demonstrar?

Quando estiver diante de alguém cuja forma de se comunicar tende a despertar em você raiva ou irritação, como você quer reagir? Como vai responder quando seus filhos, por exemplo, falarem contigo usando de uma comunicação considerada agressiva por você? Como vai reagir a algo que não sair como planejado no trabalho? Pense no que precisa praticar para estar mais próximo a um jeito de ser saudável, sábio e sereno, emocionalmente inteligente, que não só lhe fará bem emocional e fisicamente, mas que te ajudará a fortalecer seus relacionamentos e potencializar suas realizações pessoais e profissionais.

Passo 2: O que você deseja que aconteça no seu dia? Na sua vida pessoal e profissional, que experiências deseja realizar?

Por exemplo, você pode pensar que irá fazer atividades físicas ou agendar finalmente uma consulta ao médico que vem adiando... Ou mesmo, vai ligar para uma pessoa querida que está num momento difícil, para lhe dar apoio. Ou, quem sabe, dedicará um tempo para pesquisar um pouco mais sobre aquela viagem que você tanto sonha. Ou, ainda, que irá dedicar 30 minutos para ler um livro que está há anos na sua cabeceira esperando por você. Decida por um dia produtivo, cheio de ações alinhadas com seus projetos de vida.

Passo 3: Para finalizar, é hora de fazer algo extremamente importante para sua felicidade: agradecer. Pense em pelo menos cinco experiências felizes que você viveu no dia anterior, relembre-as e sinta novamente a alegria e o bem-estar de cada uma delas. 

O mais importante é você sentir novamente a emoção positiva e agradecer não só com o pensamento, mas com todo seu corpo através das emoções. Não se preocupe em buscar situações muito fora do seu cotidiano para agradecer! O segredo está exatamente em aprendermos a agradecer pelas pequenas situações e experiências de vida, como, por exemplo, uma música que ouviu e que te emocionou positivamente, uma ligação ou mensagem que recebeu de alguém querido, uma comida saborosa que provou, o sono profundo e reparador que teve, um elogio que tenha recebido no trabalho ou um comportamento diferente (e positivo) que você teve diante de uma situação difícil. Não importa o conteúdo da situação a agradecer, tudo conta!

Quanto mais você praticar, mais natural tudo isso será para você. Ao investir 10 minutos todos os dias para praticar estes passos, você verá maravilhas acontecerem em sua vida. Tudo muda quando a gente muda! Os desafios se tornam mais facilmente contornáveis, as oportunidades de prosperar se multiplicam, o dia passa a ser mais produtivo e motivador.  As pessoas irão perceber sua mudança acontecendo e você terá a oportunidade de compartilhar estes passos com elas e também ajudá-las a construírem uma vida dos sonhos.

Gandhi já dizia: “você tem que ser o espelho da mudança que está propondo. Se eu quero mudar o mundo, tenho que começar por mim”. Faça este investimento em sua vida e você verá que nada neste mundo vale mais que sua felicidade e que, muito mais do que você pensa, ela está em suas mãos. Ou melhor, em seus pensamentos, emoções e ações.

 

(*) LORENA LACERDA é palestrante, coach de executivos e times, mentora de liderança e gestão, CEO do Grupo Valure, associada à Fundação Dom Cabral em MT.

 

 

Avalie esta matéria: Gostei | Não gostei

Leia mais sobre este assunto